• Otimismo do PT é grande em relação a Paulo Rocha

    paulorocha e lula

    Paulo Rocha e Lula em recente comício em Belém

    Ainda não será amanhã (22), na sessão ordinária do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), o julgamento do caso Paulo Rocha (PT), na disputa para senador pelo Pará e cujo registro de candidato foi negado pelo TRE (Tribunal Regional Eleitoral).

    É que não consta na pauta desta terça-feira a apreciação do RO (Recurso Ordinário) nº 73.294.

    Em 1º lugar na maioria das pesquisas de intenção de votos para o Senado, Paulo Rocha já conta com o voto favorável da ministra Luciana Lóssio, relatora do processo. E a sinalização de que os ministros João Otávio Noronha e Gilmar Mendes devem acompanhar o parecer da relatora.

    O otimismo dentro do PT com relação a vitória de Paulo Rocha no TSE é tanto quanto em relação ao de Dilma Rousseff no 1º turno da eleição presidencial.

    Leia também:
    30% dos paraenses ainda não tem candidato a senador.

  • Traição: esposa de vereador do PP é assessora do DEM

    Nélio Aguiar e Luiz Alberto

    Nélio Aguiar e Luiz Alberto: traição política 

    No prédio da Alepa (Assembleia Legislativa do Pará), em Belém, poucos conhecem Ana do Carmo Silva da Cruz, lotada no gabinete do deputado estadual Nélio Aguiar (DEM), no cargo de secretária parlamentar.

    Ela é servidora VIP do gabinete.

    Ana Cruz é esposa do presidente do diretório do PP em Santarém, vereador Luiz Alberto da Cruz.

    Nélio Aguiar, candidato a deputado federal, vem tendo apoio de Luiz Alberto na campanha que o médico faz no município – traição política denunciada aqui no blog no mês passado.

    Os dois negam essa parceria.

    Esposa de Luiz Alberto, PP

    Em destaque, o nome da esposa do vereador entre os servidores da Alepa

    Agora uma nova prova desse acerto às escondidas: a contratação da esposa do vereador pelo deputado, como parte do acordo secreto firmado entre eles para a eleição deste ano.

    Leia Mais…

    Categoria: Pará
  • Tem chance? Os 10 favoritos à Câmara. Edmilson Rodrigues

    Na eleição para Câmara dos Deputadosnem sempre o candidato mais votado é eleito. É que ela é do tipo proporcional (e não majoritária, como a senador e governador).

    Neste link, saiba o que é eleição proporcional.

    Com base na mais recente pesquisa de intenção de votos da Doxa Comunicação para deputado federal, o blog analisa quais as chances de serem eleitos os 10 candidatos mais citados nessa pesquisa.

    O Pará tem 17 cadeiras na Câmara dos Deputados, e o coeficiente eleitoral deste ano deve ficar entre 203 e 208 mil votos – em 2010, foi de 201.333.

    Neste link, as chances de ser eleito do mais citado na pesquisa, o delegado Éder Mauro, do PSD. E neste link, as chances do 2º mais citado, Wladimir Costa (SD).

    Neste outro link, o terceiro favorito, Beto Salame (Pros), com base eleitoral no sul do Pará.

    Abaixo, a análise do quarto mais citado na pesquisa da Doxa.

    Edmilson-Rodrigues-Belem-prefeitura-eleicoes-20121005-size-6204º) Edmilson Rodrigues (PSOL)

    No embalo da eleição para Prefeitura de Belém em 2012, quando chegou ao 2º turno pelo força de 252 mil votos, Edmilson Rodrigues tenta emplacar um novo mandato na sua trajetória política pelo PSOL.

    Desta vez como deputado federal, o 1º da região Norte/Nordeste pela sigla.

    É a capital paraense, onde moram quase 20% dos eleitores de todo o estado, que pode levá-lo a dar esse passo histórico.

    Leia Mais…

    Categoria: Pessoas, Política
  • Crime cultural tem prefeito como cúmplice, afirma historiador

    vela protesto em Santarém. Foto: Ádrio Denner

    Do historiador e professor universitário Paulo Lima (foto), sobre o artigo Colônia, culto e cultura, de autoria do padre Edilberto Sena:

    Paulo Lima - Blog do JesoCaro Padre Edilberto,

    Tenho a impressão de que a atual gestão não tem a compreensão da gravidade dessa destruição. A identidade cultural da cidade, um valor que o santareno sempre teve como sua principal marca, está desaparecendo.

    A Câmara dos Vereadores não cumpre sua finalidade. Não há um vereador que fiscalize e cobre, como é sua função, a omissão da prefeitura e o desrespeito ao Plano Diretor da cidade.

    O crime que essa prefeitura e essa Câmara dos Vereadores é cúmplice lhes será cobrado no futuro. Ele, como o senhor bem destacou, é parte da perversa brutalidade da descaracterização cultural para finalidades como a especulação imobiliária.

    Leia Mais…

  • Reduzida a meta de 100 deputados eleitos pelo PT

    Blog de Felipe Patury, da Época:

    PTO PT tinha como meta eleger 100 deputados e disputar a presidência da Câmara.

    A derrocada de campanhas estaduais, como em São Paulo, reduziu a expectativa para uma bancada de 90 deputados.

    O projeto de bater chapa com Eduardo Cunha (PMDB-RJ) pela presidência não foi abandonado.

    Leia também:
    Tem chance? Os 10 favoritos à Câmara. Beto Salame.

    Categoria: Pessoas, Política
  • 30% dos paraenses ainda não tem candidato a senador

    plenario-senado

    A 13 dias da eleição, quase 30% dos eleitores em todo o Pará ainda não decidiram em quem vão votar para senador.

    É o que detectou a pesquisa de intenção de votos (tipo estimulada) da BMP (Bureau de Marketing e Pesquisa), devidamente registrada no TRE (Tribunal Regional Eleitoral).

    Esse número se torna expressivo se comparado com os leitores indecisos para governador – 18,42%.

    Com tanta gente indecisa, não será surpresa se um nome que não aparece entre os favoritos para o cargo (o petista Paulo Rocha e o tucano Mário Couto) desbanque-os nessa reta final e seja o vitorioso.

    Foi o que ocorreu em São Paulo, em 2010, com Aloysio Nunes Ferreira (PSDB), que não só bateu os favoritos nas pesquisas Marta Suplicy (PT) e Netinho de Paula (PCdoB), como também se tornou o senador mais votado na história do país, com mais de 11 milhões de votos.

    Categoria: Pessoas, Política
  • Professor da Espanha exalta contratação de indígena pela Unesco

    Da Espanha (Madrid), Matias Miguel comenta o post Unesco contrata líder indígena tapuia como consultora:

    UNESCOEsta noticia me llena de mucha alegria, sin lugar a dudas será un trabajo formidable y es necesario, incursionar la educacion indigena a nivel de educación superior de forma pertinente, espero que el circuito academico de la educacion indigena en el mundo permitirá una nueva visión y la cosmo visión indigena una vez más seguirá haciendo su aporte a la ciencia y aperturando cada vez más la posibilidad de seguir haciendo inviestigación participativa de las ciencias vivas en conjunto con las culturas vivas.

    Un abrazo fraterno a todos y todas, seguimos mostrando al mundo que un mundo multicultural e intercultural es sinonimo de integracion, desarrollo, solidaridad trabajo colectivo y logro de los resultados en menos tiempo…

    Saludos extensivos a todos.

    Matías Mejia Miguel
    Msc. Administración de Proyectos
    Docente: Instituto Tecnologico Superior de Tela. UNAH
    Experto Universitario Derecho de los Pueblos Indigenas, Gobernabilidad…
    Universidad Carlos III, Madrid.
    Blog:patrimonioancestral.blogspot.com

  • Operação Lava-Jato: a culpa é do… juiz

    Alberto Youssef

    Coluna Painel, da Folha de S. Paulo, hoje (22):

    O advogado do doleiro Alberto Youssef [foto], Antonio Carlos de Almeida Castro, o Kakay, entrou com uma tese de suspeição do juiz federal Sergio Moro.

    Seu objetivo é anular a operação Lava-Jato, que desvendou esquema de corrupção na Petrobras.

    O advogado diz que os vazamentos da operação são uma maneira de “constranger” o Superior Tribunal de Justiça.

    No pedido, ele acusa Moro de cometer “ilegalidades” para deixar o tribunal com o desgaste de anular atos “arbitrários”.

    Leia também:
    Para defensor público, Marina será o “pesadelo do PT” no 2º turno.

    Categoria: Justiça
  • Colônia, culto e cultura

    por Edilberto Sena (*)

    O que é mesmo a cultura de um povo? O professor Alfredo Bosi, em seu livro “Dialética da colonização”, garante que as três palavras, culto, cultura e colônia, tem a mesma raiz COLO, que significa OCUPAR a terra.

    É a possibilidade de enraizar no passado a experiência atual de um grupo que se perfaz pelas mediações simbólicas, com o gesto, o canto, a dança, o rito, a oração, a fala que evoca e a fala que invoca (pág. 15). Isto quer dizer que é da natureza humana alimentar a vida presente com valores culturais do passado que cultivam a identidade de um povo. Estes valores se manifestam, como disse Bosi, em ritos, cantos, símbolos.

    Ignorar as marcas culturais é destruir a identidade de um povo é ser colonizado.

    Não é de hoje que se aprofunda, mais ainda na atualidade, um “culturacídio” em Santarém. O patrimônio histórico vai desaparecendo mais e mais. Já se foram: a igreja original de São Sebastião, a arte interna da catedral de Nossa Senhora da Conceição, o teatro Vitória original se foi e recentemente fizeram um remendo, que não a mesma coisa.

    Por trás da fachada do Solar dos Macambira Braga, na Siqueira Campos. Foto: Ítala Nepomuceno

    Também já foi a usina de luz original, onde hoje é o mercado dito modelo (não se sabe de que modelo é aquilo). Já se foram mais de cinco mil peças de cerâmica tupaiu, retiradas dos sítios arqueológicos da cidade, hoje expostas nos museus forasteiros. E assim por diante a lista de culturacídio de Santarém é mais do que o mencionado.

    Leia Mais…

  • 770 pessoas estão na fila do transplante de rins no Pará

    transplante de rins

    Dados da Central de Notificação, Captação e Distribuição de Órgãos Estadual (CNCDO) apontam que, até 31 de agosto deste ano, cerca 770 pessoas estavam na fila do transplante renal no Pará.

    Leia também:
    Saúde repassa R$ 1 milhão às obras do hospital infantil.

    Um desses pacientes é Isana Pimentel, 36 anos. Devido ao lúpus, seus rins deixaram de funcionar e ela iniciou um tratamento emergencial com a hemodiálise. Em 2004 passou por transplante renal no Hospital Ophir Loyola, mas devido às complicações ocasionadas por um vírus ocorreu a rejeição do órgão transplantado e mais uma vez Ivana está na fila de espera por um rim.

    Há 14 anos, o Hospital Ophir Loyola desenvolve um serviço de transplantes renais, atendendo mensalmente 160 pessoas, entre cirurgias e pacientes em tratamento pré e pós-operatório.

    Atualmente, este procedimento também é realizado no Hospital Saúde da Mulher e Hospital Regional do Baixo Amazonas.

    Leia mais em Cerca de 770 pessoas aguardam pela doação de um rim no Pará.

    Categoria: Saúde
Página 1 de 2.04612345...Última »

Ufopa

Estágio da Ufopa na Pastoral do Menor

Portas abertas para alunos e alunas dos cursos de graduação da Ufopa (Universidade Federal do Oeste...

Energia

Governo revoga leilão de hidrelétrica no rio Tapajós

Revogada pelo governo federal, via MME (Ministério de Minas e Energia), a portaria que estabelecia...
css.php