Blog do Jeso

Juruti

Celpa, em nota, afirma que investe em Juruti para melhor qualidade da energia

Celpa, em nota, afirma que investe em Juruti para melhor qualidade da energia, celpa - pará

Contraponto da Celpa, a propósito da matéria Celpa e Guascor terão que criar subestação de energia em Juruti:

Sobre a referida ação em Juriti, a Celpa informa que não foi notificada oficialmente até o momento.

No entanto, a empresa reforça que vem atuando e investindo no município de Juruti para garantir um fornecimento de energia elétrica com mais confiabilidade.

Exemplo disso, foi mais um alimentador que a concessionária construiu no final do ano passado para atender a cidade do oeste paraense. Agora são três alimentadores que proporcionam maior estabilidade ao sistema.

Ler mais

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Celpa e Guascor terão que criar subestação de energia em Juruti

A decisão é da Justiça, por sentença do juiz Flávio Lauande em ação ajuizada pelo MP do Pará

Celpa e Guscoar terão que criar subestação de energia em Juruti, juruti

Em ação civil pública ajuizada pelo MP (Ministério Público) do Pará, o juiz Flávio Oliveira Lauande, que integra o Grupo de Trabalho do TJ (tribunal de Justiça) do Pará responsável pelas Metas 4 e 6 do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), condenou as empresas Celpa e Guascor do Brasil a criar uma subestação elétrica destinada a atender a cidade de Juruti, no oeste paraense.

De acordo com os autos do processo, a Celpa e a Guascor não vêm cumprindo a obrigação legal de manter estável, regular e satisfatório o fornecimento de energia elétrica na região, serviço considerado essencial.

Leia também
Condenado por improbidade, ex-prefeito fica inelegível por mais 5 anos

As empresas se manifestaram no processo transferindo uma para a outra a responsabilidade pela não regularidade do serviço público. A Celpa, distribuidora, alega que a culpa é da geradora de energia elétrica Guascor que, por sua vez, diz que a responsabilidade é da Celpa.

Ler mais

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Condenado por improbidade, ex-prefeito fica inelegível por mais 5 anos

Presidente do PMDB em Juruti, Isaías Batista terá que pagar quase R$ 47 mil por danos aos cofres públicos
Condenado por improbidade, ex-prefeito fica inelegível por mais 5 anos, Isaías Batista Filho

O juiz Flávio Oliveira Lauande condenou por crime de improbidade administrativa Isaías Batista Filho [foto], ex-prefeito de Juruti e atual presidente local do PMDB, a reparação integral do dano relativo às condenações na Justiça do Trabalho decorrentes da contratação irregular de temporários, no valor de R$ 46.770,62.

A sentença oi proferida no último dia 1º de abril.

Leia também
Números. Quanto a Alcoa já repassou para Acorjuve, em Juruti

Ainda na sentença, o juiz proibi Isaías Batista de contratar com o poder público ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios, direta ou indiretamente, ainda que por intermédio de pessoa jurídica da qual seja sócio majoritário, pelo prazo de 5 anos.

E mais: suspendeu os direitos políticos do réu também pelo período de 5 anos.

Ler mais

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Seduc e Juruti assinam convênio de R$ 300 mil para transporte escolar

Seduc e Juruti assinam convênio de R$ 300 mil para transporte escolar, transporte escolar

A Prefeitura de Juruti e a Seduc (Secretaria de Estado de Educação) assinaram convênio de cooperação técnica de financeira no valor de quase 300 mil reais.

O objetivo é viabilizar o transporte escolar dos alunos da rede de ensino estadual no município em 2017.

Estado e Município têm participação compartilhada no total de recursos. O primeiro o repasse é na ordem de R$ 288.750,00; o segundo, de R$7.496,00.

Ler mais

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Números. Quanto a Alcoa já repassou para Acorjuve, em Juruti

Números. Quanto a Alcoa já repassou para Acorjuve, em Juruti , Alcoa em Juruti

R$ 41 milhões

Repasse feito, até o final do ano passado, pela Alcoa para Acorjuve (Associação das Comunidades da Região de Juruti Velho) desde que a entidade passou a ter direito a um percentual nos lucros da lavra da bauxita que a mineradora norte-americana realiza no município de Juruti.

A Acorjuve é presidida por Gerdeonor Santos, reeleito em janeiro de 2016 para mais um mandato de 3 anos. A associação congrega as 52 comunidades do assentamento Juruti Velho.

Ler mais

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Sindicato e Prefeitura de Juruti fecham acordo para pagamento de salários atrasados

Sindicato e Prefeitura de Juruti fecham acordo para pagamento de salários atrasados, jurutiVista aérea da cidade de Juruti, no Baixo Amazonas

 
A Justiça homologou acordo entre o Sinproej, sindicato que congrega os profissionais da área da Educação em Juruti, e a prefeitura. A conciliação foi fechada em reunião na quinta-feira (6).

Com isso, o litígio entre as partes deu-se por encerrado.

Leia também
Neutralização de carbono: Alcoa planta 10 mil mudas em comunidade de Juruti

Pelo acordo homologado pela juíza Karise Assad, neste mês ficou acertado o pagamento imediato dos professores efetivos e, no dia 10, dos temporários.

Em maio, os professores efetivos devem ser pagos no dia 5 e os temporários, no dia 10. A partir de junho, o pagamento de efetivos e temporários passa a ser unificado – no dia 5 de cada mês ou no primeiro dia útil subsequente.

Ler mais

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Neutralização de carbono: Alcoa planta 10 mil mudas em comunidade de Juruti

O plantio em Galileia compensará as emissões da operação da locomotiva que transporta bauxita

Neutralização de carbono: Alcoa planta 10 mil mudas em comunidade de Juruti, Ferrovia - Alcoa - Juruti

A Alcoa iniciou o plantio de 10 mil mudas na comunidade Galileia, região de Juruti Velho, no município de Juruti, onde a empresa mantém operação de mineração de bauxita.

A iniciativa integra as estratégias de sustentabilidade da empresa que neutralizará a emissão de gás carbônico gerada pela locomotiva que transporta o minério da área de beneficiamento para o porto, num trajeto de cerca de 55 quilômetros.

Leia também
MP ajuíza ação para por fim na Feira do Tablado, na avenida Tapajós

O projeto, chamado “Locomotiva Verde”, será implementado em 6 hectares em áreas da comunidade, que, no futuro, poderá desfrutar de novas áreas arborizadas e enriquecidas com espécies florestais nativas.

Ler mais

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Abandonada e deteriorada: Casa de Apoio de Juruti em Manaus será reformada

O prefeito Henrique Costa esteve no final de semana vistoriando pessoalmente a Casa Dona Júlia

Abandonada e deteriorada: Casa de Apoio de Juruti em Manaus será reformada, casa de apoio em manausO imóvel foi comprado pela prefeitura em 2011. Hoje, está deteriorado e com inúmeras infiltrações

 
Pertencente ao patrimônio do município de Juruti, a Casa de Apoio Dona Júlia, em Manaus, encontra-se bastante deteriorada e sem condições mínimas de receber pacientes que buscam na capital amazonense tratamento de saúde de alta complexidade.

Essa situação foi constatada neste final de semana, pessoalmente, pelo recém-empossado prefeito Henrique Costa (PT).

Leia também
Juiz aceita denúncia e Isaías Batista vira réu em nova ação na Justiça Federal

“Daremos início a uma minuciosa reforma, para que a casa volte a funcionar a partir de maio, se Deus quiser”, disse em entrevista exclusiva ao Blog do Jeso.

O imóvel se encontra fechado desde outubro do ano passado, por decisão do ex-prefeito Marquinho Dolzane (PSD), logo depois da confirmação oficial da derrota dele nas urnas.

A casa foi aberta há 10 anos, no primeiro mandato de Henrique Costa (2005-2009). Era alugada.

Ler mais

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Holofotes em 6 VIPs. Henrique, Marcelo, Faleiro, Tabajara, Alaércio e Pepa

Holofotes em 6 VIPs. Henrique, Marcelo, Faleiro, Tabajara, Alaércio e PepaEm cima, Henrique, Pepa e Dilma, e Marcelo. Embaixo, Tabajara, Alaércio e Faleiro

 

Henrique Costa

O prefeito de Juruti se encontra em Manaus avaliando, pessoalmente, as condições precárias (herança do ex-prefeito Marquinho Dolzane) em que se encontra a casa de apoio a pacientes do município que buscam tratamento de alta complexidade na capital do Amazonas. A casa está fechada desde outubro de 2016.

Marcelo Martins Jares

Engenheiro de produção, ele acaba de assumir o comando da Emater (Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural) em Mojuí dos Campos, oeste do Pará, no lugar de Rildomar Colares. O servidor público chega ao cargo por articulação política do prefeito reeleito Jaílson Alves (PSDB).

Ler mais

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Juiz aceita denúncia e Isaías Batista vira réu em nova ação na Justiça Federal

O ex-prefeito de Juruti e Lucídia Batista, sua esposa, são acusados de corrupção, por desvio de dinheiro público

Juiz aceita denúncia e Isaías Batista vira réu em ação penal na Justiça Federal, Isaías Batista, JurutiIsaías Batista, outra vez réu

 
O juiz federal Domingos Daniel Conceição Filho aceitou a denúncia feita pelo MPF (Ministério Público Federal) contra o ex-prefeito de Juruti Isaías Batista Filho (PMDB) por corrupção (desvio de recursos públicos).

Com a decisão, Isaías vira réu. Ele já é réu em outras ações na Justiça do Pará.

Leia também
Por ordem judicial, PMDB de Juruti terá que se retratar no Facebook por ofensas ao MP

Também viraram réus a mulher de Isaías, Lucídia Benitah Batista (candidata derrotada a vice-prefeita na eleição do ano passado), Nagib Charone Filho e Semel Charone Palmeira.

Para Conceição Filho, há indícios de que o ex-prefeito jurutiense teria sido apropriado de bens ou dinheiro público, “ou desviá-lo em proveito próprio ou alheio”, escreveu o juiz em seu despacho, assinado na última quarta-feira, 22.

Ler mais

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Videos
Canal direto
Canal Diteto
Prestação de Contas
Twitter


Colunistas
Sites e blogs
Publicidade