Fuga de preso de carceragem em Almeirim é alvo de sindicância
Cidade de Almeirim, no oeste do Pará

A fuga de um preso ocorrida no dia 25 de novembro de 2019 da carceragem de Almeirim, no oeste do Pará, é alvo de uma sindicância administrativa disciplinar, aberta pela Secretaria de Estado de Administração Penitenciária, ex-Susipe.

A informação foi confirmada pela Corregedoria-Geral Penitenciária no Diário Oficial do Estado desta quarta-feira (8).

 

O objetivo é apurar a responsabilidade administrativa e funcional da servidora Dory France Pelaes Machado acerca da fuga de José Leonilson Barbosa Gonzaga.

A servidora incorreu, em tese, no ilícito administrativo descrito nos artigo 177, VI, c/c art.189, da Lei nº 5.810/1994 – RJU.

A corregedoria determinou ainda que uma comissão formada por servidores deve atuar com dedicação exclusiva podendo se reportar diretamente aos núcleos e departamentos da Secretaria Penitenciária e aos demais órgãos da administração pública do Pará, para as diligências necessárias à instrução do feito.

A comissão deve apresentar um relatório conclusivo ao final da apuração.

— LEIA também: Praia do Maracanã muda de cenário com passarela de 5 metros e preservação do lago

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *