Quem em Belterra, Mojuí, Aveiro e Itaituba não pode ser candidato, segundo o TCU
Sede do TCU, em Brasília onde a lista é atualizada diariamente

Em menos de 300 dias será realizada a eleição para prefeito e vereadores em todo o país — marcada para o dia 4 de outubro. Gestores públicos com contas reprovadas no TCU (Tribunal de Contas da União), e transitadas em julgado, ou seja, com todos recursos esgotados, não poderão participar da disputa eleitoral.

A lista dos inelegíveis do TCU ainda não está fechada ainda. Mas é possível conferir quem já faz parte dela. É atualizada diariamente.

 

Os gestores com processos em grau de recursos estão fora. Até às vésperas da eleição, novos nomes deverão ser incluídos.

Confira quais os inelegíveis dos municípios abaixo.

Belterra

Oti da Silva Santos, ex-prefeito. 2 processos, com trânsito em julgado em 2013 e 2017. Ficará inelegível até 2025.

Mojuí dos Campos

Nenhum

Aveiro

— Nenhum.

Itaituba

Benigno Olazar Reis, ex-prefeito. 3 processos, com trânsito em julgado em 2012, 2014 e 2015. Ficará inelegível até 2023.

— LEIA também: TCU: quem não pode ser candidato em Placas, Uruará, Rurópolis e Medicilândia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *