Outro advogado é indiciado em caso de corrupção policial no oeste do Pará, advogado e policial indiciados em Itaituba
Luís Carlos, Haroldo e Elineke, indiciados pela polícia civil

Mais um advogado foi indiciado no caso que envolve um policial civil e uma advogada na prática de 3 crimes (prevaricação, fraude processual e concussão) na cidade de Itaituba, oeste do Pará.

A Corregedoria da Polícia Civil do Pará no Baixo e Médio Amazonas é que está à frente das investigações.

Semana passada, o inquérito foi concluído e distribuído ao juiz criminal Romero Tadeu Filho. 

Há pouco dias, a Justiça colocou a tramitação do processo (nº 0014173.63.2018.8.14.0024) sob sigilo.  Os 2 indiciados inicialmente foram:

Haroldo Batista Macedo Júnior, escrivão lotado em Itaituba. Que está encarcerado presídio na RMB (Região Metropolitana de Belém), e

Elineke Conceição Lameira Leite, advogada, que responde as acusações em liberdade.

O Blog do Jeso apurou que o advogado José Luís Pereira de Sousa também foi incluído como terceiro indiciado no caso. Ele teria supostamente praticado corrupção ativa de testemunhas.

José Luís e Elineke Leite trabalham no mesmo escritório de advocacia.

O próximo passo do caso será o juiz criminal encaminhar o inquérito policial ao Ministério Público do Pará, a quem caberá por lei oferecer ou não a denúncia à Justiça.

Só então o magistrado decidirá se aceita ou não a ação penal, transformando os 3 acusados em réus.

O CASO

As investigações sobre o caso começaram no mês passado (dia 21), quando uma uma das vitimas esteve no Ministério Público do Pará em Itaituba, para denunciar o escrivão Haroldo Júnior.

Ele teria exigido, segundo a denúncia, certa quantia em dinheiro como condição para liberação de três presos. Como não houve acordo, o policial teria exigido a entrega os documentos da motocicleta de um dos presos, como o pagamento pela liberdade dos 3.

Foi quando a Corregedoria da Polícia Civil entrou no caso e flagrou o escrivão utilizando a motocicleta como meio de transporte ao trabalho também à faculdade que frequenta.

CONTRAPONTO

O blog não conseguiu localizar o advogado José Luís Sousa, para o oportuno contraponto. O espaço, contudo, permanecerá aberto.

  • 398
    Shares

Nota do editor: textos, fotos, vídeos, tabelas e outros materiais publicados no espaço "comentários" não refletem necessariamente o pensamento do Site Jeso Carneiro, sendo de total responsabilidade do(s) autor(es) as informações, juízos de valor e conceitos divulgados.

2 Comentários em: Outro advogado é indiciado em caso de corrupção policial no oeste do Pará

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *