Oriximiná, Juruti, Uruará, Belterra e Monte Alegre em 5 notas curtas
Prefeito Ludugero, de Oriximiná, líder do PR

➹Oriximiná. Procuradoria é favorável às contas do PR

A Procuradoria Regional Eleitoral do Pará emitiu parecer favorável à aprovação, com ressalva, das contas da campanha de 2016 do PR em Oriximiná, partido do prefeito Ludugero (PR). Em primeira instância, as contas foram reprovadas. O relator da matéria no TRE é desembargador Roberto Moura, para quem foi enviado o parecer da procuradoria.

➹ Juruti. DPU apresenta defesa de empresários 

Acusados de  envolvimento do escândalo da construção de casas populares no distrito de Juruti Velho,  os empresários Fábio e Aládia Nascimento apresentaram defesa prévia, via DPU (Defensoria Pública da União), à Justiça. A ação de improbidade administrativa tramita na 2ª Vara Federal em Santarém.

➹ Uruará. Contas da Câmara de 2012 aprovadas

O TCM (Tribunal de Contas dos Municípios) aprovou a prestação de contas de 2012 da Câmara de Vereadores de Uruará. À época, a Casa era dirigida pelo vereador Gilmar Milanski, que movimentou recursos na ordem de quase 622 mil reais.

Ana Claudia
Ana Cláudia e a ex-prefeita Dilma Serrão

➹ Belterra. TCM aprova contas de 3,5 milhões da Saúde

A ex-secretária municipal de Saúde de Belterra  Ana Cláudia Carvalho Tavares, que movimento 3,5 milhões do Fundo Municipal de Saúde em 2008, teve a sua prestação de contas aprovadas deste período pelo TCM. Aprovação com ressalvas e multa, à unanimidade.

➹ Monte Alegre. Prefeito vai recorrer da condenação

O prefeito Jardel Vasconcelos (MDB) vai recorrer ao TRF1 da decisão da Justiça Federal em Santarém que o condenou à cassação dos seus direitos políticos por 4 anos e multa. Motivo: participação na máfia das ambulâncias. Ele já pediu ajuda do irmão Jardel Vasconcelos, ex-presidente da OAB no Pará, para tirá-lo dessa enrascada.

Nota do editor: textos, fotos, vídeos, tabelas e outros materiais publicados no espaço "comentários" não refletem necessariamente o pensamento do Site Jeso Carneiro, sendo de total responsabilidade do(s) autor(es) as informações, juízos de valor e conceitos divulgados.

Um comentário em: Oriximiná, Juruti, Uruará, Belterra e Monte Alegre em 5 notas curtas

  • Esse é Pará, se nao é o Estado mais taxado em corrupção desse nosso Brasil, anda perto de ser…. Mesmo levando as denuncias e provas aos Tribunais do Pará, ainda assim os Juizes nao os condenam… Porque Será ??]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *