MP arma flagrante de extorsão de servidora que usava nome de promotor, Extorsão em Monte Alegre
O momento do flagrante na quinta-feira

Uma mulher foi presa em flagrante em Monte Alegre extorquindo um cidadão e utilizando o nome de um dos membros do Ministério Público do Pará na cidade, oeste do estado.

Ana Carolina dos Santos Rosário foi presa na quinta-feira (22).

Ela teve suas ações descobertas em virtude de uma das vítimas ter procurado a Promotoria de Justiça para relatar que a mulher cobrava dinheiro dele, “a mando de um promotor de justiça”, e alegando que o pagamento seria para evitar que ele fosse preso.

Ana Carolina estava se aproveitando Emerson Fernando de Moraes Nunes, que é réu numa ação penal que tramita em Monte Alegre.

O flagrante foi feito no momento em que Emerson Nunes entregava o dinheiro à mulher, caracterizando o crime de extorsão. As extorsões eram feitas mediante aplicativo de mensagens instantâneas, que agora servirão para embasar futura ação penal.

Segundo informações da Promotoria de Justiça, Ana Carolina é servidora da Prefeitura de Monte Alegre, e trabalhou por um tempo como servidora cedida, na delegacia de polícia civil no município.

FLAGRANTE

A vítima relatou ao promotor de Justiça de Monte Alegre que já havia pagado o valor equivalente a R$ 3 mil e, não aguentando mais os constrangimentos que sofria, resolveu relatar o caso.

Ainda na sede do Ministério Público, foi combinado que a vítima seguiria até o local marcado pela mulher para entregar o dinheiro. O  membro do MP, juntamente com o delegado de Polícia Civil, foram até lá e efetuaram a prisão.

Extorsão em Monte Alegre
Emerson Nunes, a vítima

Ana Carolina está presa na carceragem da Delegacia de Polícia do município, onde foi instaurado um inquérito por flagrante. Após a conclusão, os autos irão para o MP de Monte Alegre, para oferecimento da denúncia.

Com informações do MP do Pará

Leia também:
Justiça notifica ex-prefeito condenado a pagar dívida de R$ 300 mil, além de multa

  • 3
    Shares

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *