FUNDEB em Óbidos

Cleise, Sandra, Vanessa e Oslima Bentes, novas integrantes do Cacs

Empossados os novos integrantes do Cacs (Conselho Municipal de Acompanhamento e Controle Social) do Fundeb (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação) em Óbidos.  Todas são mulheres.

A posse foi realizada ontem, 24, e contou com a presença do prefeito Chico Alfaia (PR) e do vice-prefeito Isomar Barros (PCdoB). A pedagoga Oslima Bentes é a nova presidente do Cacs/Fundeb.

Ela tem como vice-presidente a professora Cleise Sarrazin, e Sandra Coelho, como 1ª secretária.

A estudante Vanessa Pinto é a suplente.

O Cacs/Fundeb tem como função principal acompanhar e controlar a distribuição, a transferência e a aplicação dos recursos do fundo, no âmbito das esferas municipal. É independente do governo, mas sua ação é harmônica em relação aos órgãos da administração pública.

O mandato do atuais integrantes do conselho se estenderá até 2020.

Leia também:
Terra Santa, Juruti, Óbidos e Cametá em 5 notas curtas

Nota do editor: textos, fotos, vídeos, tabelas e outros materiais publicados no espaço "comentários" não refletem necessariamente o pensamento do Site Jeso Carneiro, sendo de total responsabilidade do(s) autor(es) as informações, juízos de valor e conceitos divulgados.

2 Comentários em: Mulheres empossadas no Conselho de Controle Social do Fundeb em Óbidos

  • Guerreiras não se calem; Não se intimidem; Não se abaixem; Não se deixe levar pelos abraços falsos que vem do poder; Não envergonhem a classe de professores como fazem os péssimos vereadores que temos em nosso município; Abram a boca para pedir ajuda aos colegas que estão aqui na sede e nas demais escolas querendo melhorias para o nosso município; Não se sintam envergonhadas em pedir ajuda naquilo que tiverem dúvidas para denunciar as arrogâncias e os “pitis” da nossa nobre secretária; Sejam sensatas e honestas com a categoria que permitiu que Vossas Senhorias estivessem hoje empossadas como as nossas representantes; Investiguem as gaiolas do transporte escolar que estão longe dos olhos da ASCOM que só mostra o que é conveniente para o governo; Investiguem os comentários de que algumas contratadas que trabalham aqui na sede recebem certas gratificações que somente os efetivos recebem e os demais contratados não recebem (é justo?). Bom trabalho para as colegas e saibam que me sinto bem representada com as senhoritas.

  • CLEISE SARRAZIM no conselho do FUNDEB?
    QUE TIRO FOI ESSE?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *