Prefeito de Óbidos vai cortar gratificação dos servidores da área de Saúde, HOSPITAL  de Óbidos
Hospital Municipal de Óbidos

Os servidores da área da Saúde em Óbidos já foram avisados: haverá redução de até 70% no próximo ano na gratificação paga a eles pela prefeitura.

A informação foi publicada pelo Blog do Jeso no início da tarde de sábado (29) no WhatsAPP, e confirmada mais tarde pela atual titular da Semsa (Secretaria Municipal de Saúde), Nathália Rodrigues.

“Mas não é nada impositivo”, suavizou a secretária, como se algum servidor pudesse ter a opção de não aceitar o corte.

“Explicamos a necessidade das adequações até mesmo para que consigamos equilibrar as contas e fazer com que os salários sejam pagos em dia”.

Segundo ela, houve “redução de mais de R$ 2 milhões por ano” de repasses da União para Óbidos desde 2015.

A Semsa é a segunda maior secretaria em número de servidores, a maioria dos quais são contratados, os principais alvos do corte. Só perde para a Semed (Secretaria Municipal de Educação).

PROMESSA DE CAMPANHA

Desde assumiu o cargo de prefeito em janeiro de 2017, Chico Alfaia não conseguiu regularizar o pagamento do funcionalismo público de Óbidos. Ele se elegeu com a promessa de acabar com esse problema. Discursava em campanha que, pelo fato de ter longa experiência bancária, saberia como gerir as finanças no município.

Grande parte dos servidores estão com salários atrasados, os mais atingidos são os contratados.

Leia também:
Ministro Fachin homologa delação da Lava Jato que atinge Jader e Renan

  • 122
    Shares

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *