Quadrilha da Saúde: prefeito se diz surpreso com acusação do presidente da Câmara, Chico Alfaia, prefeito de Óbidos

Chico Alfaia, prefeito de Óbidos

O prefeito de Óbidos, Chico Alfaia (PR) diz ter recebido com “surpresa e espanto” a acusação do vereador Preto Sousa (PSD) de que ele seria integrante de “uma quadrilha” criada neste ano no município para assaltar o dinheiro da Saúde.

O vídeo em que o presidente da Câmara de Óbidos acusa Alfaia foi publicado na manhã de hoje, 10, no portal Jeso Carneiro.

“Estamos encaminhando expediente ao Ministério Público para que apure as denúncias, bem como dê oportunidade ao denunciante para exibir as provas que tiver, sob pena de adotarmos as medidas legais cabíveis para manifestações tão levianas e descontroladas”, diz o prefeito em nota à imprensa divulgada nesta tarde.

“As agressões não são apenas às autoridades legitimamente constituídas, mas principalmente ao povo que os elegeu seus legítimos representantes, esperando um debate respeitoso e de propostas voltadas à melhoria do nosso povo.”

Abaixo, a íntegra da nota.

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

NOTA DE ESCLARECIMENTO

O prefeito municipal de Óbidos, Francisco José Alfaia de Barros, vem a público manifestar sua surpresa e espanto com as agressões, ataques e ofensas pessoais irrogadas pelo excelentíssimo senhor presidente da Câmara Municipal na sessão realizada em 6 de novembro (segunda-feira).

As reações do presidente da Câmara ao pedido de documentos e esclarecimentos sobre os gastos do Poder Legislativo, efetivado pela maioria dos vereadores, revelam um preocupante destempero e falta de equilíbrio emocional diante de um simples pedido de informações, tentando, de forma equivocada, atribuir ao prefeito o efetivo exercício de prerrogativas próprias dos vereadores, de fiscalizar os gastos do próprio poder ao qual pertencem.

É lamentável que a autoridade que representa todos os vereadores, bem como o próprio Poder Legislativo, use de termos ofensivos, de espantosa vulgaridade para se dirigir ao prefeito e aos vereadores que compõem o parlamento, todos representantes do povo obidense, prolatando acusações sem fundamentos, ofendendo apenas pelo prazer de ofender, atitude que pensamos ser incompatível com a altura e dignidade do cargo de presidente do Poder Legislativo municipal, atentatória ao dever de urbanidade e ao decoro da nobre atividade parlamentar.

Sobre as denúncias do presidente envolvendo o nome do prefeito, estamos encaminhando expediente ao Ministério Público para que apure as denúncias, bem como dê oportunidade ao denunciante para exibir as provas que tiver, sob pena de adotarmos as medidas legais cabíveis para manifestações tão levianas e descontroladas.

As agressões não são apenas às autoridades legitimamente constituídas, mas principalmente ao povo que os elegeu seus legítimos representantes, esperando um debate respeitoso e de propostas voltadas à melhoria do nosso povo.

Lamentamos que o honrado povo de Óbidos, as famílias de bem e as pessoas de boa índole deste município sejam obrigadas a ver nossa cidade destacada na mídia, nivelada por manifestações de tão baixo calão, maculando o bom nome de nosso povo e de nossa amada cidade, ao tempo em que manifestamos total solidariedade aos vereadores atacados por cumprirem seu papel de fiscalizar, o que é um verdadeiro atentado à liberdade de atuação dos edis que não concordem com a conduta do presidente.

Óbidos-Pará, 10 de novembro de 2017

Atenciosamente,

Érique Leandro Castro de Figueirêdo
Assessor de Gabinete da Prefeitura Municipal de Óbidos

Leia também:
O vereador fanfarrão que faz pouco caso com a Saúde de Óbidos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *