Simão Jatene sanciona lei que reduz duas florestas estaduais na Calha Norte

Floresta estadual de Faro, localizada no Baixo Amazonas. Foto: Socorro Almeida

O governador do Pará, Simão Jatene (PSDB), sancionou a lei aprovada pela Alepa (Assembleia Legislativa do Pará) que altera os limites de duas flotas (florestas estaduais) na região da Calha Norte – de Faro e Trombetas.

A sanção foi publicada na edição de hoje, 12, do DOE (Diário Oficial do Estado).

A flota de Faro foi reduzida de 613.868 hectares para 525.434,0975 hectares – redução de 14%, enquanto que a flota de Trombetas ficou menor 4% – de 3.172.978,3230 para 3.025.667,1816 hectares.

As áreas excluídas das duas flotas (desafetação) serão destinadas ao uso das comunidades quilombolas de Cachoeira Porteira (Faro) e Ariramba (Trombetas).

Flota de Faro

A floresta estadual de Faro está localizada na Calha Norte do rio Amazonas, no Pará. Essa região abriga o maior bloco de unidades de conservação e terras indígenas do mundo.

Cerca de 98% de sua área é coberta por florestas bem conservadas. É cortada por extensos rios, como Nhamundá e Mapuera. As atividades econômicas praticadas na flota são agricultura, pesca, coleta de castanha-do-pará, extração de madeira e pequenas criações de gado e animais de pequeno porte.

ARIRAMBA

o território quilombola Ariramba está localizado do município de Óbidos. O Incra identificou 27 famílias remanescentes de quilombos residente na área.

Leia também:
Plantio de soja em área desmatada na Amazônia aumenta 4 vezes desde 2012

  • 4
    Shares

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *