Prefeito expõe finanças de Óbidos; só a dívida ao INSS é R$ 31 milhões, Óbidos - novo prefeito e situação financeiraChico Alfaia entre o vice-prefeito e o secretário de Governança, Amarildo Andradre

 
O novo prefeito de Óbidos, Chico Alfaia, do PR, divulgou os dados levantados pela Secretaria Municipal de Governança relativos a situação financeira do município.

Só o débito junto ao INSS é na ordem de R$ 31,4 milhões. Os números foram divulgados ontem, 9.

Leia também
Dívida da Prefeitura de Itaituba com INSS chega a R$ 38 milhões

De Pasep, segundo Alfaia, o município deve R$ 2,8 milhões. De empréstimos consignados, R$ 3,7 milhões. Para fornecedores, a Prefeitura de Óbidos deve R$ 2,6 milhões.

Os custos com a folha de pagamento de novembro, ainda não pagos, alcançou a cifra de R$ 568 mil, enquanto que a de dezembro chegou a R$ 4,2 milhões.

O montante total da dívida ativa com o funcionalismo que está em R$ 45 milhões.

O prefeito obidense ressaltou que só uma readequação severa dos custos da máquina pública poderão recolocar as finanças do município nos trilhos.

“Precisamos enxugar ao máximo os custos, para que possamos garantir direitos básicos, como o pagamento dos nossos servidores, que nos últimos meses vem padecendo com salários atrasados”, esclareceu Alfaia.

“Não quero culpar ninguém por essa situação. Já estamos estudando medidas para que possamos nos livrar desses problemas para reerguer o nosso município”, adiantando que discutirá com o sindicato da categoria maneiras para quitar os salários que a administração passada deixou de pagar.

Para a Celpa, concessionária de energia elétrica, prefeitura tem dívida de R$ 265 mil, que deve ser paga nas próximas semanas. Para não ficar sem energia, a nova gestão precisou renegociar a dívida, já que o débito que havia sido parcelado anteriormente nunca foi pago.

Uma das medidas para reduzir o tamanho da máquina é reduzir o número de servidores contratados. O município tem hoje cerca de 2.500 funcionários, entre efetivos e temporários.

Carnaval

Os valores referentes as despesas com o Carnapauxis 2016 também foram apresentados.

No ano passado, a prefeitura gastou, só com estruturas de palco e camarotes, R$ 420 mil. As bandas musicais que se apresentaram nos sete dias do evento custaram R$ 189 mil. Os gastos com ornamentação fecharam em R$ 46 mil e a segurança do evento custou R$ 45,5 mil.

Outras despesas, como contratação de diaristas R$ 6,5 mil; combustível, R$ 2,3 mil e despesas avulsas R$ 7 mil.

O custo total do Carnapauxis 2016 foi de R$ 716 mil. Desse montante R$ 230 mil não foram pagos.

“Nós sabemos que esse é um evento caro, mas acreditem, informações extraoficiais dão conta de que o nosso carnaval está custando um milhão de reais. Por isso, não temos como manter esse carnaval da forma que está. Vamos fazer mudanças sim, mas todas as mudanças já estão sendo discutidas com os blocos, e isso não irá interferi no brilhantismo do evento”, garantiu o prefeito.

Com informações e foto da Ascom/Prefeitura de Óbidos

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Nota do editor: textos, fotos, vídeos, tabelas e outros materiais publicados no espaço "comentários" não refletem necessariamente o pensamento do Site Jeso Carneiro, sendo de total responsabilidade do(s) autor(es) as informações, juízos de valor e conceitos divulgados.

5 Comentários em: Prefeito expõe finanças de Óbidos; só a dívida ao INSS é R$ 31 milhões

  • Quase 85℅ dessa dívida do INSS, foi deixada pelo experiente ex prefeito Jaime Corrupto dá Silva, durante 8 anos de seu “excelente” governo.

  • Já começou bem, acabou com um derramamento de dinheiro público, chamado pré carnaval, onde a prefeitura arcava com os custos para alguns lucrarem e para ela ficavam as mazelas. No mais, diminuiu para 6 dias o carnaval mais longo do país que era de 7 dias, faltou diminuir para 4 dias. Mas mesmo assim, já é um começo de uma administração responsável, está de parabéns, o povo não precisa de carnaval e sim que os serviços essenciais funcionem bem.Nao ligue para os que criticam, pois não sabem o que dizem.

  • O prefeito se perde em sua oratória porque o ex prefeito Jaime fez concurso só que não tinha um batalhão de contratados para lhe bajular e este aí com uma semana de governo já tem 08 pessoas contratadas para o setor de imprensa da prefeitura e ainda, demonstra fragilidade pois não aguentou a pressão e teve que transformar a coordenação de defesa civil em secretaria apenas para a brigar um pastor que nem voto tem, sem contar que fez várias reuniões e não conseguiu fazer a presidência da Câmara.

  • No ano em que iria completar 20 anos de existência, o que era para ser bastante comemorado, o Carnapauxis acaba em Óbidos. Que tristeza.

Deixe uma resposta