Cabo da PM em Rurópolis

Cabo Ludelmar foi preso hoje

Um cabo da Polícia Militar do Pará foi preso hoje, 14, na cidade de Rurópolis, oeste do Pará, por decisão da Justiça. Ele é acusado de estupro de um garoto de apenas de 10 anos.

O abuso sexual ocorria, segundo as investigações da Polícia Civil, há cerca de 3 anos. A prisão preventiva do policial foi decretada pelo juiz Odinandro Garcia Cunha.

O magistrado determinou a transferência do cabo Ludelmar Batista Rodrigues, 39 anos, para o presídio Anastácio das Neves, em Belém, “ante a ausência de condições da Delegacia de Polícia de Rurópolis para abrigar internos”, justificou.

A prisão do PM, segundo o juiz, se fez necessária também pelo fato do acusado “está atemorizando a vítima e testemunhas”. Uma delas, a avô do menor, das iniciais T.M.F.B, que flagrou na terça-feira o militar masturbando o neto.

O Ministério Público do Pará se manifestou favorável à prisão do cabo, natural de Monte Alegre.

Ele foi enquadrado em crime de estupro de vulnerável – artigo 217-A. Se condenado, poderá pegar pena de prisão de 8 a 15 anos.

Leia também:
Audiência de instrução da Perfuga inicia com depoimento do delegado Castro

  • 61
    Shares

Nota do editor: textos, fotos, vídeos, tabelas e outros materiais publicados no espaço "comentários" não refletem necessariamente o pensamento do Site Jeso Carneiro, sendo de total responsabilidade do(s) autor(es) as informações, juízos de valor e conceitos divulgados.

Um comentário em: Cabo da PM é preso em Rurópolis por estupro de menino de 10 anos

  • Agora eu gostaria de ver os colegas dele de farda colocarem ele na cela comum junto com outros presos para ele ser “batizado” no orifício traseiro, assim como eles fazem com os outros comuns que cometem esse mesmo crime repugnante, Individuo nefasto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *