Ministério Público abre investigação contra o ex-prefeito de Terra Santa
Marcílio Picanço

O ex-prefeito de Terra Santa por 2 mandatos consecutivos Marcílio Picanço (2009 a 2012 e 2013 a 2016) virou alvo de investigação do Ministério Público do Pará.

O MP detectou “indícios de fraude à licitação” em obra de recapeamento de estradas no município quando ele ocupava o cargo de prefeito.

Os recursos do serviço, no valor de R$ 100 mil, foram repassados aos cofres públicos de Terra Santa pelo governo estadual.

“Até o momento não fui notificado sobre essa investigação”, disse o ex-prefeito ao Blog do Jeso na manhã desta segunda-feira. “Assim que for, prestarei todos os esclarecimentos devidos”.

 

Ele lembrou que todos os convênios firmados nos seus 2 mandatos com o governo estadual foram aprovados pelo TCE (Tribunal de Contas do Estado) do Pará.

“Algumas vezes a promotoria recebe denúncias dos [meus] adversários políticos e abre procedimento, principalmente quando se aproxima eleição. Como acham que vou ser candidato, ficam me denunciando”, ressaltou.

“Estou tranquilo, até porque os convênios que eu firmei não só foram executados como aprovados pelos órgãos responsáveis”.

— LEIA também: Câmara de Rurópolis reprova contas, e ex-prefeito fica inelegível por 8 anos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *