Alepa aprova empréstimo de R$ 537 milhões proposto pelo governo Helder Barbalho
Plenário da Alepa na sessão de ontem. Foto: Alepa

Os deputados presentes na sessão de quarta-feira (11) discutiram amplamente e aprovaram projeto de autorização de empréstimo bancário proposto pelo governo Helder Barbalho (MDB).

À unanimidade, em segundo turno, o projeto de lei 234/2019, de empréstimo no valor de R$ 537 milhões foi aprovado. A matéria retornará à pauta da Alepa na próxima terça (17), para votação em redação final.

 

Pela justificativa, as operações financeiras vão garantir recursos para a execução de várias ações, como investimento nas areas da Saúde, desenvolvimento urbano, saneamento e mobilidade, além de infraestrutura, logística e turismo.

Bem como na aplicação em projetos de implantação de sistemas de drenagem e pavimentação urbana em vários municípios do Pará, além de melhorias na malha rodoviária do estado.   

Dilema: enfrentamento

Apesar de algumas posições contrárias, o projeto foi aprovado por maioria dos parlamentares, que entenderam a importância dos recursos financeiros para aplicação em obras essenciais nas áreas de saúde, logística, infraestrutura de estradas e terminais hidroviários.  

Para o deputado Bordalo (PT), as operações de créditos são fundamentais para garantir a execução de obras importantes no Estado.  

 “O Pará vive uma situação delicada. Nós temos uma herança de quase 20 anos de abandono e que não pode ser desprezada em nome de alguns detalhes na tramitação de projetos. Não podemos deixar de votar a favor porque a população precisa de água, saneamento, educação, saúde, estradas, pontes e nós precisamos enfrentar esse dilema com investimentos”, justificou.

“O governo federal está cortando recursos, então é preciso que nós estejamos preparados para dar ao governador do Pará as condições necessárias para trabalhar”.

 

A deputada Paula Gomes (PSD) votou favorável ao projeto e ressaltou que os recursos financeiros vão promover obras importantes no setor turístico.

 “A bancada do PSD votou a favor desse empréstimo e está junto ao governo para que ele possa ter condições de realizar obras de infraestrutura, serviços de saneamento básico para o interior do estado. Nós tivemos 20 milhões destinados ao município de Salinas para construção da orla da praia do Atalaia. Esses recursos vão garantir melhor infraestrutura aos turistas e fomentar a economia da nossa região”, destacou.

Com informações da Alepa

— LEIA também: Henderson reestreia com derrota: PSL pede vistas do projeto de R$ 123 milhões

Nota do editor: textos, fotos, vídeos, tabelas e outros materiais publicados no espaço "comentários" não refletem necessariamente o pensamento do Site Jeso Carneiro, sendo de total responsabilidade do(s) autor(es) as informações, juízos de valor e conceitos divulgados.

3 Comentários em: Alepa aprova empréstimo de R$ 537 milhões proposto pelo governo Helder Barbalho

  • Jeso, existe um erro nessa redação: “…teve o consenso da maioria…” Nesse caso a redação correta é: ” o projeto teve a aprovação da maioria dos deputados”. Consenso é a representação do todo, não em parte, mesmo que essa parte represente a maioria.
    Apenas uma contribuição…..

  • É a repetição da história do Pará em “bárbaras” mãos, acredito em um final infeliz para o Pará

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *