Condenado a 27 anos de prisão, empresário da Perfuga completa 200 dias foragido
Westerley Oliveira, tripla condenação

Neste domingo (12), o empresário Westerley Oliveira, 48 anos, completou 200 dias que está foragido. Ele sumiu do radar das autoridades judiciais e policiais no ano passado, dia 26 de junho, depois que foi liberado da prisão pela Justiça.

Ele já foi condenado 3 vezes em ações penais movidas pelo Ministério Público do Pará no âmbito da operação Perfuga. Acumula penas de prisão que somam 27 anos.

 

Os crimes cometidos pelo réu foram peculato, associação criminosa e fraude à licitação, tendo como alvo os cofres públicos da Câmara de Vereadores de Santarém, gestão de Reginaldo Campos (2015-2016).

Foragido, o nome de Westerley Jesus de Oliveira aparece 3 vezes (uma para cada condenação) na lista do banco nacional de pessoas com mandado de prisão expedido pela Justiça, pendentes ou não de cumprimento (BNPM). Os 3 mandados são de setembro de 2019.


No BNPM


Tramita ainda um outro processo penal na Justiça contra ele, bem como cerca de 40 inquéritos abertos e não concluídos no MPPA, inclusive por esquemas fraudulentos na Prefeitura de Belterra.

As 3 condenações

 

1ª) Processo: 0009386-07.2018.8.14.0051
Pena: 5 anos

2ª) Processo: 0008309-60.2018.8.14.0051
Pena: 10 ano e 6 mês

3ª) Processo: 0008310-45.2018.8.14.0051
Pena: 11 ano e 6 mês

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *