4 números sobre a concessão de áreas do Porto de Santarém para iniciativa privada, Soja em Santarém. Porto da Cargill
Porto de Samtarém, novas áreas concedidas à iniciativa privada

O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, assinou na segunda-feira (18) contratos de concessão de terminais em dois portos no país — Açu, no Rio de Janeiro, e no Porto de Santarém, oeste do Pará.

A transferência dos terminais para iniciativa privada vai garantir investimentos R$ 175 milhões, só no Porto de Santarém.

Os contratos de concessão dos portos tem origem no Programa de Parcerias de Investimentos (PPI), criado durante o governo do ex-presidente Michel Temer.

Abaixo, alguns números que envolve a concessão do Porto de Santarém:

R$ 175 milhões

Valor do contrato de outorga e investimentos arrematados pela Petrobrás Distribuidora S/A e Petróleo Sabbá em leilão portuário na Bolsa de Valores em duas áreas no Porto de Santarém, oeste do Pará.

35.097 m²

Área do terminal STM 05, destinado à ampliação dos tanques de armazenamento de gasolina, diesel e etanol.

28.827 m²

Área do terminal STM 04, contígua à do terminal STM 05. Destinação idem.

25 anos

Prazo para que a Petrobrás e a Petróleo Sabbá para fazer investimentos nos dois terminais. Com possibilidade de renovação deste prazo em igual período.

Leia também:
Bolsonaro exonera ministro Bebianno, o mentiroso, por questão de ‘foro íntimo’


  • 185
    Shares

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *