Governo nomeia 6ª pessoa para cargo na Sespa que já teve 5 ocupantes no ano
Prédio-sede da Regional da Sespa em Santarém

por Jeso Carneiro (*)

Fernanda, Pâmela e Soraia foram algumas das que ocuparam um dos cargos de DAS (Direção e Assessoramento Superior) — ou seja, de livre nomeação – disponível na Regional da Sespa, a secretaria estadual de Saúde do Pará, em Santarém, oeste do estado.

No total, só neste ano, 5 – todas mulheres – já passaram por lá.

 

A nova “Assistente de Centro Regional de Saúde”, Patrícia Morais, foi nomeada na segunda-feira (21), com portaria assinada pela chefe da Casa Civil, Parsifal de Jesus Pontes e publicada no dia seguinte no DOE (Diário Oficial do Estado).

Não se sabe quanto tempo Patrícia permanecerá na função, com salário em torno de R$ 2,3 mil. Isto por conta da alta rotatividade que o cargo adquiriu desde quando o governador Helder Barbalho (MDB) assumiu o comando do Executivo paraense, em janeiro deste ano.

A primeira assistente nomeada pelo novo governo foi Fernanda Almeida de Andrade. Em abril. Apareceu no órgão 1 dia, e depois sumiu.

Ela é assistente social e reside em Uruará. Foi indicada pelo deputado estadual Eraldo Pimenta (MDB). 13 dias depois, a nomeação foi “tornada sem efeito”.


1ª nomeação: Fernanda

Governo, nomeações
https://4.bp.blogspot.com/-_wTYXZg9yrw/XbMGZoe_hYI/AAAAAAAAf6U/4D2pFe7NEUYgo5Dq3514Cx213lST2QBhgCLcBGAsYHQ/s1600/Fernanda%2B-%2Bexonera%25C3%25A7%25C3%25A3o.JPG

Eraldo Pimenta então buscou uma aliada em outra cidade (Rurópolis) para vaga em aberto: Pâmela, ligada à família Genuíno, que já elegeu pai (Zé Paulo) e filho (Pablo) prefeitos do município.

 

Pâmela Glayanne Gomes Genuíno passou mais tempo no cargo — 1 mês. Logo depois sumiu. Entrou no final de abril (24) e foi exonerada em julho (dia 12), quando nomearam Soraia Ordones.


2ª e 3ª nomeações: Pâmela e Soraia

Sespa, governo
https://4.bp.blogspot.com/-8n_dIbsS7Q4/XbMKUKz1hqI/AAAAAAAAf6o/J9RYeOX1QtUt2vgGaQVoM-DQbB9EaTJ7ACLcBGAsYHQ/s1600/exonera%25C3%25A7%25C3%25A3o%2BPamela.JPG

Soraia, conforme o Blog do Jeso apurou, nunca apareceu no 9ª Centro Regional de Saúde/Sespa, para bater ponto.

Em setembro, 2 meses depois, o governo reagiu. Tornou sem efeito a nomeação de Ordones, a sumida, e nomeou para vaga uma servidora efetiva, Adriana Almeida.


4ª nomeação: Adriana

https://3.bp.blogspot.com/-Q_O1Wh25Bo8/XbMuf2tITpI/AAAAAAAAf7E/updgYHNIgnQfRVWxTlUHT0zzew5tlCLsQCLcBGAsYHQ/s1600/Adriana%2B-%2Bnomeacao.JPG
https://1.bp.blogspot.com/-nVwqj_Fojxc/XbMtqmJuNfI/AAAAAAAAf68/_sWLOlI_yR4ZETCw6BK65bYqxJKSL4qQQCLcBGAsYHQ/s1600/ordones%2B-%2Bsoraia%2B-%2Bexonera%25C3%25A7%25C3%25A3o.JPG

Com Adriana, imaginou-se o fim do problema. Que nada. Ainda em setembro, foi publicada nova portaria para o cargo, desta vez em nome de Mayane Morais. Outra que nunca também apareceu no trabalho. Na segunda-feira (21), saiu a sua exoneração.

 

No mesmo dia, o governo Helder escalou outra Morais, Patrícia, a sexta ocupante do cargo, para o qual há hoje duas pessoas nomeadas.


5ª e 6ª nomeações: Mayane e Patrícia

https://4.bp.blogspot.com/-AXPhSDabWyU/XbMyb1zMaAI/AAAAAAAAf7Y/LC2fQnb4lbAS7wU_Au8lETEXzFRtdcamQCLcBGAsYHQ/s1600/Mayane.jpg
https://3.bp.blogspot.com/-Y_T6rz4bO28/XbMxuNnUNsI/AAAAAAAAf7Q/zk_zGZQTRO0J6UAMR8DMO1szJc3pcqUvACLcBGAsYHQ/s1600/Mayane%2B-%2Bexonera%25C3%25A7%25C3%25A3o.JPG

Sobre Mayane, a Sespa garante que ela não chegou a receber nenhum salário, pois entrou “no dia 30 de setembro e foi exonerada no dia 22 de outubro, portanto, não ingressou na folha de pagamento”.

“É um absurdo”, diz uma servidora da Regional da Sespa ao blog. “São 6 pessoas nomeadas num intervalo de 7 meses. É brincadeira. Trata-se de um cargo de muita relevância no órgão”.

— LEIA também: Documento expõe situação caótica da Regional da Sespa em Santarém; leia a íntegra

Nota do editor: textos, fotos, vídeos, tabelas e outros materiais publicados no espaço "comentários" não refletem necessariamente o pensamento do Site Jeso Carneiro, sendo de total responsabilidade do(s) autor(es) as informações, juízos de valor e conceitos divulgados.

Um comentário em: Governo nomeia a 6ª pessoa para cargo na Sespa que já teve 5 ocupantes no ano

  • Se a polícia trouxer à tona o que tem no celular da menina de menor que foi aprendido pela Delegacia da mulher vai pegar e descobrir relações amorosas de deputado estadual com domicílio em Uruara em relacionamento extraconjugal com a mesma.
    Esperemos que a PC não seja corporativista e traga à tona todos os fatos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *