Bruno Moura, o radiologista que deu upgrade na paixão pelo São Francisco

por Núbia Pereira

Casado e pai de uma garotinha linda, a Maitê, de apenas 1 aninho. Apaixonado por futebol e por medicina. Santareno, tem orgulho da terra e contribui com o desenvolvimento da cidade realizando ações, por meio da Associação Comercial e Empresarial, da qual faz parte como membro da diretoria.

O médico radiologista Bruno Moura tem perfil bem sério, mas nesta entrevista ele caiu na gargalhada ao falar do dia a dia no trabalho e de sua rotina como diretor de uma clínica fundada pelo pai e que é extremamente familiar.

O Dr. Bruno também acumula função de vice-presidente do “aaaaarrrrrrgggggg” São Francisco, o “gatinho” de Santarém, que se denomina Leão. Kkkkk (brincadeira! Não me detonem, “pufavô”).

Bora lá conferir, No Salto com o Bruno Moura que é melhor.

Olá, Boa tarde! Você está disposto a entrar No Salto mesmo?

Sim, será um prazer. Mas não pega pesado. Hehehehehe

Eu não pego. kkkkkkkkkk

Então, combinado!

Tá vendo só como os Panteras sabem “secar” leão? 😛

Hahahahahahhahahah…

Foi por pouco né? O que faltou no Campeonato Paraense?

Fomos vice campeões paraenses, campeões do segundo turno, desbancando Remo e Paysandu.

Hum hum

Para não perder o hábito, né, VICE? KKKKKKK

Perdemos a final em jogo único, em Belém para um time muito forte com folha salarial quase 10 vezes maior que a nossa. Acredito que se tivéssemos dois jogos, um em Santarém, a história seria diferente. Mas conseguimos o nosso maior objetivo: disputar novamente duas competições nacionais… De quebra ainda demos uma ajudinha para seu time …Quem diria né? Kkkkkkkk

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk Olha eleeeeeeeeeeeeeeeeeeee…

A série D, vocês vão “vencer”, né? hahahhahahaha

Posso dizer que o time está ainda mais forte para Série D! Vamos fazer bonito…Assim esperamos!

Bruno Moura no Salto (2)

KKKKKKKKKKKKKKKKK Boa Sorte!

Analisando aqui, você é aquele flamenguista que tem muita semelhança com o “Arggg” Vasco da Gama…

Pois é… Sou vice presidente do São Francisco, da Associação Comercial e Empresarial de Santarém…. E o Vasco não cansa de ser vice, né? kkkkkkkkk Acabaram me chamando de Bruno da Gama …. hahahahhaa

Eu quero saber um pouco mais… Quem é o Bruno?

Um cidadão apaixonado por Santarém, pela família e pelo trabalho.

Me conta qual foi o seu primeiro contato com o futebol?

Meu primeiro contato real com o futebol foi na inauguração do Colosso do Tapajós. Meu pai é franciscano e naquele jogo meu primo Valdir Almeida fez o primeiro gol do estádio, pelo São Francisco. Nascia ali minha grande paixão pelo clube….

Quando voltei a morar em Santarém, não aceitava só termos o São Raimundo representando nossa cidade. Foi quando um grupo de abnegados se reuniu e resgatou o clube, feito que considero nossa maior vitória.

Chegou a jogar em algum time?

Não! Mas, sempre fui fanático por futebol. Jogava só no colégio e mal. Kkkkkkkkkkkkkkk

Ah é! Engraçado, alguém me contou que a paixão pela bola começou com brincadeiras de bole bole no colégio, não é verdade isso não? hahahahhaha

O que é bole bole? Kkkkkkkkkkkkkkkkkk

Sempre gostei de futebol. Ultimamente não tenho jogado. Dei uma “upgrade” na minha carreira… Virei cartola kkkkkkkkkk

Você já fez alguma promessa para o teu time ser o campeão? rs rs

Sinceramente não… Mas todo jogo tô lá com meu terço no bolso pedindo pelo meu São Francisco. Hahahahahahhaa

Kkkkkkkkkk…

Quero muito ainda poder ajudar o clube a dar essa alegria para a nossa torcida. Esse é o motivo maior de estar no clube… Futebol é a paixão do povo, desde os mais humildes até os mais ricos, por vezes a única alegria para alguns.

Xiiiiiiiiiiiiii faltou mais fé. Teu leão perdeu de novo. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Culpa tua que é secadora. Kkkkkkkkkk

Hahahahhaha…

Você é religioso?

Religioso sim! Católico, cursilhista… Não sou de fazer promessas… Mas já tive que fazer jejum vários fins de semana por uma promessa que minha avó fez para eu passar no vestibular. Passei e tive que cumprir… hahahahahahaaha

kkkkkkkkkkkkkkk…

Já fez alguma que não conseguiu cumprir?

Sim… Fiz a promessa do vestibular também… Iria na corda no Círio de Nazaré, na trasladação, porém desisti no final… A promessa estava 90% concluída… Fui penalizado com uma “unha encravada” que durou muito tempo. hahahaha

Bruno Moura no Salto (1)


Como você consegue dividir seu tempo? O futebol não atrapalha a relação em casa? rs rs

Tento conciliar, mas tenho consciência que às vezes o futebol me priva de momentos com a minha família. Agora que nasceu minha filha isso tem ficado mais claro pra mim… Na última eleição meu nome era consenso para a presidência, porém abdiquei do cargo por causa do tempo que isso me exigiria. Minha profissão e minha função hoje na nossa clínica também exige muito de meu tempo… Ainda tem a Aces que também exige dedicação

Acho que este é meu último ano no clube. Já são 07 anos de dedicação ao São Francisco e o clube precisa de renovação.

Médico, envolvido com o futebol. Você é muito assediado?

Ultimamente sim ….Por partido políticos e por jornalistas atrás de notícias do meu Leão.

Hehehehehehehehe

KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK…

Se acha galã?

Nunca me achei… Não tenho esse perfil egocêntrico e metrosexual. Hehehehehehhehehe

O que mais te atrai em você mesmo?

Sou uma pessoa muito persistente nos objetivos… Às vezes me surpreendo com minha capacidade de focar em um objetivo traçado e conseguir executá-lo…

Você é capaz de aceitar um desafio meu?

Sim

Você faz sua sobrancelha?

Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk… Essa foi boa… KKKKKKKKK… Homem não faz sobrancelha. Quanto maior, mais homem kkkkk… Tô brincando…

kkkkk… Vais mesmo aceitar o desafio?

Qual é?

Tipo, tirar um pouco da sobrancelha com cera quente?

Tiro nada… Vou correr dessa….é minha marca registrada, né?

Huuummm….

Você é tipo Tony Ramos?

Não, não… Só a sobrancelha que é um pouco mais evidente… kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk…

Hahahahahahahahahahahahahha….

33

Você é homofóbico? rs

Nunca! Cada um faz suas escolhas de sua vida, que devem ser sempre respeitadas.

É do tipo que leva a vida muito a sério?

Sabe que as vezes acho que sim. Talvez pelos muitos compromissos assumidos, responsabilidades.

É briguento?

Já fui muito mais. Por vezes querendo mudar tudo e todos. Hoje já sou mais paciente e tento entender mais as pessoas e brigar menos. Hahahahahhaaha

Kkkkkkkkkkkkkkkk… sei sei

Outro dia te vi reclamando de música alta de um bar da esquina, você é do tipo que quando não está satisfeito vai lá e bota a boca no trombone?

Se fosse há algum tempo atrás sim. Neste caso do bar da esquina preferi pedir que pessoas próximas ao proprietário dessem um toque e avisar que música alta mais afasta o cliente do que atrai. hehehehehhe

Você mora em apartamento. Pessoal lá tem medo de ti? rs rs

Muito pelo contrário. Tenho ótimo relacionamento com todos.

Coloca moral lá?

Nem em casa… Kkkkk

hahahahhha…

Me falaram que você é um homem capitalista? É verdade?

Um pouco. Nada além do aceitável. Mas acho que quanto menos aparecer melhor. Na verdade precisamos de pouco para sermos felizes.

Fora tua mulher, claro, e não vale sua mãe. Qual a mulher mais bonita de Santarém?

Minha princesa Maitê é a coisa mais linda que existe!

Hummmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmm…

Você é do tipo intelectual?

Nem um pouco… Curto um besteirol… Fora do trabalho nada de intelectualismo. Até admiro quem tem o hábito da leitura, mas não consigo ler um livro inteiro. Sou muito hiperativo, não consigo ficar quieto e ler um livro inteiro ou ir ao cinema e ficar 2 horas assistindo um filme… kkkkkkkkkkk

Agora leio muito jornais, revistas informativas, sites e blogs , principalmente os ligados a política e futebol.

Eu sei que você é fã do Blog do Jeso, e que não perde um No Salto… hahahahahhaha


Você nasceu em berço de ouro? Já teve algum contato com a pobreza?

Nasci de uma família de classe média. Nossos negócios sempre buscaram atender com qualidade a população mais carente. Crescemos assim. Trabalho em dois hospitais públicos, onde os pobres são maioria. Nossas empresas estão sempre ligadas a projetos sociais, ações sociais em bairros da cidade proporcionando atendimento gratuito a quem não pode pagar pelos exames.

És proprietário da Sanclin? Me conta um pouco da tua história, no ramo empresarial.

Então, minha profissão na verdade é ser médico, né? E sempre dizem que médico não entende de ser dono, de ser empresário. Acho que consegui conciliar bem as duas coisas, principalmente pela convivência com meu pai desde adolescente nas empresas da família, principalmente durante a faculdade. Não tenho nenhuma formação em gestão. Minha experiência é realmente de vida com ele que foi meu grande professor como empresário.

Teve uma época que a Sanclin faliu em Santarém. Você era um dos “comandantes”?

Na verdade a Sanclin não faliu. Meus pais decidiram fechar a clínica para priorizar a educação dos filhos em Belém. Tivemos que ir embora para estudar, na adolescência, momento muito delicado na formação e educação dos jovens. Decidiram ir embora conosco e como seria complicado acompanhar o dia a dia do hospital, decidiram interromper as atividades. Sabíamos que um dia voltaríamos e reabriríamos ou o hospital ou uma clínica, dependendo da formação dos filhos. Como minha mãe se especializou em ultra-sonografia e eu em diagnósticos por imagem, voltamos para Santarém e reabrimos a Sanclin como centro de diagnósticos por imagem. Posso dizer que as decisões foram acertadas. Meus pais conseguiram nos dar educação necessária e conseguimos continuar as atividades da Sanclin.

Você sendo um médico bem conceituado no mercado e, também, empresário…teus pacientes e funcionários são bem tratados por ti?

Acredito que sim, caso contrário minha agenda de exames estaria vazia e não seria como você disse (e agradeço), um médico bem conceituado. Quanto a meus colaboradores acho que me acham meio sério, mas sabem que podem contar comigo quando precisam, basta vestir a camisa da Sanclin, o que não abro mão.

Bruno Moura no Salto (10)

Há um diferencial na tua empresa?

Acho que a tecnologia que usamos na clínica, que nada deve aos melhores serviços de diagnósticos do país. Além disso a qualidade do serviço que oferecemos, aliados a preço justo e dentro da realidade de nossa região também são diferenciais.

Com toda essa crise que estamos passando, qual é o teu maior medo hoje?

A falência dos planos de saúde me preocupa. Muitos serviços e pacientes dependem das operadoras e cooperativas de saúde. Isso irá impactar diretamente no sistema privado, mas também no sistema público, que já é ruim.

O mercado financeiro é uma preocupação de todos. Estamos pensando em fazer novos investimentos em equipamentos ainda não disponíveis na cidade. Porém, os equipamentos são vendidos em dólar, nos amedrontando a fazer as negociações. Além disso, com toda esta crise já instalada, os pacientes tem, cada vez mais, dificuldade em realizar exames mais complexos (e mais caros) na rede privada.

Entendo que não podemos ficar reféns do medo e de crises. Momento como o que estamos passando hoje pode também ser o de oportunidade para crescimento.

Investir hoje no mercado local é coisa de “doido” ou qualquer pessoa em sã consciência pode entrar, na boa?

Santarém tem mercado aberto para muitos negócios. Agora, é preciso ter muita qualidade. O mercado local já não aceita serviços “mais ou menos”. Qualidade e preço justo, esta é a grande sacada!

Vocês, todos os anos, fazem um evento chamando atenção para o câncer de mama. Hoje, mulheres reclamam dos exames que ainda são burocráticos, há mesmo burocracia para todas as áreas da saúde?

Para realização de alguns exames como a mamografia há sim burocracia. Algo simples de resolver. Parece que ás vezes preferem dificultar o acesso para não aumentar o custo com a saúde.

Falando nisso…

O toque que é feito no exame da próstata é capaz de desvirginar um homem?

Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk. Que pergunta é essa Núbia?

:-p

A ultra-sonografia de próstata e o toque retal são exames de rotina em homens a partir de 40 anos. Há muita lenda com relação a realização destes exames

Você já fez?:-p

Não fiz ainda, afinal tenho 37 anos. Até os 40 provavelmente já teremos métodos mais modernos… kkkkkkkkkkk. Brincadeira.

Kkkkkkkkkkkkkkkkkk…

Mas vai fazer com algum médico amigo teu?

HAHAHAHAHAAHHAHA… Farei tranquilamente com colega médico de minha confiança. Precisamos desmistificar esses exames preventivos dos homens.

E aquele mito de que o homem não faz o exame com medo de ficar viciado? hahhaahahahaha

Bruno Moura no Salto (34)

Que isso Núbia? Kkkkkkkkkkkkkk

Kkkkkkkkkkkkkkkkkkk…

Mais um mito que envolve estes exames preventivos.

Bom eu acho que chega, né, porque tu já tá ficando roxo…

Bora falar sério

kkkkkkkkkkkkk…

Hoje você é vice-presidente da ACES? Tens autonomia ou é apenas vice? rs rs

Tenho uma grande admiração pelo nosso presidente César Ramalheiro. Um empresário e homem exemplar. Quando recebi seu convite foi de certa forma uma surpresa e ao mesmo tempo uma honra. Todas as ações da Aces são tomadas em conjunto com nossa diretoria e sempre participo ativamente com o presidente das ações e decisões da casa. Me orgulho muito de ser vice-presidente da Aces por ser uma entidade muito atuante e que participa ativamente do dia a dia dos problemas e soluções de nossa cidade

Você foi um dos que bateram muito no PT, no que se refere à questão da saúde pública? Era ruim assim? E o “Bom” você acha que melhorou a saúde do município?

Sim, era ruim e ainda não é o ideal! Se não fosse não falaria aquilo naquele momento, somente por politicagem ou para pedir votos para o Von.

O sistema público de saúde está falido no Brasil. O SUS é bonito no papel, mas não se sustenta financeiramente.

Acho que melhorou o atendimento no hospital municipal e temos na cidade muito mais postos de saúde do que tínhamos antes. Mas como disse, estamos longe do ideal.

Qual é o teu partido político?

Não tenho partido político. Pouca gente sabe, mas já fui petista de ir para praça para os comícios do PT. Comprava bandeiras, botons, etc para ajudar o partido. Mas quando o PT chegou ao poder me decepcionou e traiu minha confiança, assim como a de milhões de brasileiros. Na verdade, enquanto não ocorrer uma reforma política profunda no Brasil continuaremos a ter negociatas, “favores” e benesses em troca de governabilidade.

Você, também, foi filiado ao PV e saiu por entender que trata-se de um partido duas caras. Sério isso?

Verdade. O PV poderia ser a longo prazo o maior partido do país. Um partido que estatutariamente defende desenvolvimento e sustentabilidade, com forte apelo junto aos jovens.

Porém o partido se apequenou nos últimos anos ao defender a idéia de se aliar a qualquer um que dê maiores condições de eleger seus candidatos. Esse discurso do pragmatismo na política não consigo concordar. Se você avaliar o PV tem adotado uma postura dúbia (e contraditória) no âmbito principalmente estadual. Em uma eleição apóia um lado e na seguinte o outro lado. Ou tenho uma cara ou outra. Essa postura duas caras não é “privilégio” do PV diga-se de passagem. Além disso, a questão ambiental e de sustentabilidade ficou para segundo plano. Por isso, me desfiliei do PV e não me filiei a nenhum outro partido.

O que você acha da política hoje?

Sempre gostei de política. Mas, política, hoje, virou sinônimo de corrupção, infelizmente. É assim que todo o povo brasileiro enxerga o político. Claro que é um erro generalizar.

As pessoas bem intencionadas precisam se dispor a entrar na política, senão continuarão a ter seu futuro decidido por pessoas que tem o cargo político como profissão, dispostas a tudo para se manter no poder.

Qual avaliação que você faz da política local?

Santarém continua polarizada em dois grande grupos políticos. Acho que assim como no Brasil, o santareno está ávido por uma terceira via. Acho que nossa Câmara dos Vereadores poderia ser mais atuante também. Individualmente temos vereadores com grande capacidade, porém coletivamente poderiam produzir mais.

Uma das prioridades da política é a saúde. Essa falta de medicamento que os municípios da região está passando se deve a falta de um boa gestão local e estadual ou é mesmo culpa da “Dilma”? rsrs

O problema de saúde é nacional. O SUS precisa ser repensado, principalmente a sua viabilidade financeira. A falta de remédios é somente um dos grandes problemas de saúde pública.

Faz tempo que ouço dizer que a saúde santarena está na UTI, o que fazer para tirar a cidade desse quadro?

Precisamos ter mais recursos e cobrar também que os municípios façam o seu dever de casa. O Hospital Municipal é na verdade um Hospital Regional de Urgência e Emergência, recebendo pacientes de toda região Oeste. Os governos federal e estadual precisam entender isso e dispor de mais recursos para o atendimento.

Sobre sua profissão como médico, a radiologia é uma das áreas mais carentes do município. Falta médico, falta aparelho de raio-x, SUS é um caos, Planos de saúde são os olhos da cara. Pobre nasceu para esperar na fila de hospital municipal?

O SUS precisa se reinventar. É um sistema perfeito no papel, mas um fiasco na prática. Enquanto dependermos do SUS atual para atender à população carente, o pobre irá continuará a enfrentar grandes e dolorosas filas.

Bruno Moura no Salto (17)

Se você fosse secretário de saúde qual a primeira providência que tomaria?

Lembro que quando me viram apoiando o atual governo diziam que eu seria o secretário, chegaram até a me mandar currículo. Kkkkkkkkkkkk….

Sério? kkkk…

Bom, primeiro que não teria tempo para assumir cargo com tão grandes desafios. A clinica depende muito de mim, atualmente, e para este cargo teria que ter dedicação exclusiva pelo trabalho que tem que ser feito. Mas sem fugir de sua resposta eu tornaria a gestão do Hospital Municipal mais eficiente e independente. Ali é o cartão de visita da saúde do município, onde estão os maiores problemas. Discutiria com o Estado para que o mesmo fosse parceiro na gestão e passaria a administração para uma Organização Social (OS) tal qual é feito no Hospital Regional, onde funciona bem. A partir daí ficaria mais livre para trabalhar fortemente as ações preventivas nas unidades de saúde dos bairros.

Você iria deixar o “Bom” dar as ordens na “sua casa”?

Se não tivesse autonomia, não aceitaria. Não tenho perfil de só ficar recebendo ordens… kkkkkkkkkkkkkkkkkk

Não mesmo hahahahhaha

Mas entendo que o Von dá autonomia sim a quem mostra eficiência. Uma coisa é mandar outra é ter conhecimento das ações das secretarias e participar das decisões.

Eleições se aproximando, você dará a cara a tapa para defender algum político na TV como você fez com o “Bom”?

Dificilmente. Sofri muitas represálias de toda ordem por manifestar minha opinião. Historicamente minha família não se envolve politicamente em eleições. Provavelmente manterei essa linha.

Se arrependeu de ter defendido tanto o governo dele na campanha passada?

Defendi a candidatura do Von naquelas eleições. Considero o Von um bom prefeito e um homem correto na gestão pública. Santarém melhorou. As pessoas que há alguns anos não vinham aqui falam claramente isso quando voltam. É claro que ainda temos muitos problemas. Mas precisamos de uns 20 anos de bons governos para termos uma cidade perto do ideal, já que a cidade tem problemas crônicos e graves de toda ordem.

Tantos pré-candidatos a prefeito, um, inclusive, é empresário, o Olavo Neves…seu voto já está garantido para ele?

Olavo é um gestor exemplar. Seria uma grande opção de voto, sem dúvida. Porém, para um cargo majoritário acho que precisa ter mais sustentação política, o que deve ser trabalhado para outras eleições, caso esta seja realmente sua vontade.

Agora, bora voltar a falar mais de futebol, só pra gente fechar esse bate papo. Sabemos que (arrrrggggg) “leão” deu uma evoluída nos últimos anos, mas ainda nem chega aos pés do Pantera, kkkkkkkkkkkkkkkkkk… Qual avaliação do quadro atual do gatinho?

Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk… Não esperaria outra comparação vindo de uma fanática torcedora daquele time lá. O São Francisco evoluiu muito nos últimos anos. Quando fui convidado para fazer parte da diretoria há uns 06 anos o São Francisco não tinha nenhum patrimônio, disputava o campeonato santareno amador. Hoje temos um belo patrimônio na rodovia Everaldo Martins (Santarém – Alter do Chão) onde está sendo construído nosso CT. Nesse primeiro semestre entregamos os 2 primeiros campos para nossos sócios que acreditaram no projeto e até final do ano esperamos concluir nosso primeiro gramado oficial. O clube já investiu na área em torno de 600 mil reais. Na área central da cidade, temos dos imóveis alugados que servem o clube em seu escritório e loja do franciscano e onde conseguimos construir um alojamento para 15 jogadores com quartos climatizados e mobiliados e refeitório.

Huuummmm…..

Estamos há 05 anos na elite do futebol paraense. Este ano já chegamos na final do campeonato e, agora, vamos novamente disputar uma competição nacional. Continuaremos com a ideia de não correr riscos financeiros e colocar em jogo todo nosso patrimônio que foi reconstruído com muito sacrifício.

Você é um homem rico? Sai algum “trocado” do teu bolso para investir no São Francisco?

Rico nada! HAHAHAHAHHAHA Muito do que ganhamos é reinvestido principalmente na clínica… Posso dizer que já saiu bem mais para ajudar o clube, hoje esse investimento ainda existe, mas nada comparado ao passado quando o clube lutava para se reerguer. Acredito que essa ajuda ao time também faz parte de um investimento social em um clube que já trouxe tantas alegrias para nosso mais humilde torcedor.

Bruno Moura no Salto (27)

Vocês “franciscanos” zoam muito com o Pantera e tal, mas vocês são conscientes que o Pantera é que é o “rei” do pedaço, né? kkkkkkkkkk….

Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk…. Nunca ouvi dizer que rei da selva é Pantera… Sempre ouvi dizer que o Rei da selva é o Leão… E aqui não é diferente kkkkkk

Rum!

Falando nisso…Você tem uma rixa com o ex-presidente do São Francisco, Ed Ribeiro? Por quê? Recalque? kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Hahahaahaha Na verdade não é rixa… Fui vice-presidente do Edie Ribeiro. Só que temos muitas diferenças de idéias, da maneira de gerir o clube. Não que ele esteja errado e eu certo, mas pensamos diferente. Então chegamos a um ponto que vivíamos discutindo e nos afastamos. Mas nossa relação sempre foi respeitosa.

Huuummmmm…

Até onde vai a ambição de um diretor de futebol?

Eu tenho ambição de ser campeão, de dar alegria ao torcedor e reconstruir o patrimônio do clube. Pra mim isso basta. Acho que esse ano é o meu último como diretor. Quero ficar só na arquibancada. Já dei minha parcela de contribuição no resgate do São Francisco.

Legal!

Ameiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii o bate papo, super curti conhecer esse teu humor que eu achava que nem existia. Desejo, do fundo do coração, que o teu time local continue perdendo e o meu ganhe sempre. Hahahahah

Muito obrigada e sucesso em tudo.

Também adorei participar do No Salto…Entrevista mais descontraída e irreverente que já dei kkkkkkkkkkkk Na próxima entrevista já darei como campeão e vai ser breve! hehehe

KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK….

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Nota do editor: textos, fotos, vídeos, tabelas e outros materiais publicados no espaço "comentários" não refletem necessariamente o pensamento do Site Jeso Carneiro, sendo de total responsabilidade do(s) autor(es) as informações, juízos de valor e conceitos divulgados.

3 Comentários em: O radiologista que deu upgrade na paixão pelo São Francisco

  • Olá,
    Adorei o seu site. Eu própria já fui gordinha :), mas com muita força de vontade e aconselhando-me bastante em sites de emagrecimento, consegui perder 38 Kg.
    Estou aqui para dar bastante força a todas as pessoas que pretendem perder peso de uma forma saudável.
    Não desistam. Acreditem no vosso crer.

  • UM VERDADEIRO MISS SIMPATIA!!!!!!!!

  • ESSA TURMA DO PAVU DIGO PAJU É SO PAVULGEM !

Deixe uma resposta