46 caminhões-caçamba foram repassados pelo governo federal a 41 municípios do Pará

Caminhão doado a Santarém será utilizado na limpeza de Alter do ChãoNélio Aguiar e ao fundo o veículo doado ao município de Santarém

 
O caminhão-caçamba doado ontem, 27, para Santarém pelo Ministério da Integração Nacional, em parceria com a bancada de deputados federais e senadores do Pará, já tem destino certo definido pelo prefeito Nélio Aguiar (DEM).

O veículo circulará nas ruas do distrito turístico de Alter do Chão, no serviço de transporte de piçarra e entulhos.

– Além do caminhão, conseguimos ainda uma indicação do deputado federal Beto Salame (PP), que vai destinar uma emenda a Santarém para ser investida na área da saúde -, antecipou o prefeito.

Ao todo, foram entregues 46 caminhões-caçamba, e doados a 41 municípios paraenses.

Leia também
Detran estima que, no mínimo, 100 lacres foram extraviados em Santarém

Nota do editor: textos, fotos, vídeos, tabelas e outros materiais publicados no espaço "comentários" não refletem necessariamente o pensamento do Site Jeso Carneiro, sendo de total responsabilidade do(s) autor(es) as informações, juízos de valor e conceitos divulgados.

3 Comentários em: Caminhão doado a Santarém será utilizado na limpeza de Alter do Chão

  • Piçarra e entulhos produzidos por particular ou pela administração?

  • NÃO pera…1(um) caminhão… nossa… quanta importância Santarém tem ao povo do parazinho… Parabéns Helder e Nélio pelo gigantesco esforço para um caminhão….

  • TANTA MÍDIA POR UM CAMINHÃO DE LIXO PARA UMA CIDADE DE 300 MIL HABITANTES, DEPOIS DA ROUBO DE TRILHÕES DA NAÇÃO, E A MEU VER UM DESPROPOSITO.
    E A MÍDIA PARAENSE EM UNÍSSONO, EXCETO AS ORGANIZAÇÕES MAIORANA, DANDO TANTO HOLOFOTE, TRIPUDIANDO COM UMA PROPAGANDA POLITICA TRANSVESTIDA DE NOTICIA.
    POLÍTICOS E MAIS POLÍTICOS ESTAMPANDO AS PRIMEIRAS PAGINAS DE PASQUINS ABRAÇADOS COM O CAMINHÃO DO LIXO, TENHO QUE RIR PRA NÃO CHORAR! DEVIAM CORAR DE VERGONHA, SEUS POLÍTICOS LA…. !

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *