Cotado para diretor geral da Câmara é réu em 2 processos e indiciado na Perfuga, luiz alberto
Luiz Alberto, ex-vereador e orientador político de André do Raio-X

Um dos nomes mais cotados para assumir o cargo de diretor geral da Câmara de Vereadores de Santarém na gestão do novo presidente da Casa, Emir Aguiar (Podemos), a partir do próximo dia 1º, é réu em duas ações de improbidade administrativa, além de indiciado na Perfuga.

Luiz Alberto da Cruz, ex-vereador da Casa até 2016, continua em plena atividade política.

Agora, porém, trabalha só nos bastidores.

Não disputou a reeleição, mas foi decisivo na vitória do novato André do Raio-X (DC) para Câmara há 2 anos, com a 14ª maior votação (2.334 votos) entre os 21 eleitos.

 Luiz Alberto também teve papel importante na vitória surpreendente de Emir Aguiar contra Ronan Liberal Júnior, por 11 votos a 9, para presidência da Câmara na semana passada.

Governista, André do Raio-X foi orientado por Luiz Alberto a apoiar Emir. Em troca ganhou o cargo de 2º secretário na Mesa Diretora. O Blog do Jeso apurou que o cargo de diretor geral da Casa, hoje ocupado por Sandro Lopes, também entrou na negociação.

O cargo é de livre nomeação do presidente da Câmara. O salário é de R$ 8 mil.

FICHA CORRIDA

Luiz Alberto da Cruz, 56 anos, é réu em duas ações de improbidade administrativa ajuizadas pelo Ministério Público do Pará. A mais recente é de agosto de 2016.

Servidor público municipal, o político do DC é acusado de receber sem trabalhar. A outra ação é de 2015.

Ele também é indiciado em inquérito sob sigilo da operação Perfuga — cujo prazo de conclusão foi prorrogado por mais 90 dias, conforme o Blog do Jeso noticiou em primeira mão.

CONTRAPONTO

Procurado, o vereador e futuro presidente da Câmara de Santarém Emir Aguiar não se manifestou. O ex-vereador Luiz Alberto não foi encontrado. O espaço está aberto para contraponto deles.

NOVA MESA

Os integrantes da nova Mesa Diretora da Câmara de Santarém são:

— Emir Aguiar, presidente;

— Valdir Matias Jr. (PV), 1º vice-presidente;

— Jandeilson Pereira (PSDB), 2º vice-presidente;

— Alaércio Cardoso (PRP), 1º secretário;

— André do Raio X (PSDC), 2º secretário;

— Ney Santana (PSDB), 3º secretário, e

— Mano Dadai (PRTB), 4º secretário.

  • 96
    Shares

Nota do editor: textos, fotos, vídeos, tabelas e outros materiais publicados no espaço "comentários" não refletem necessariamente o pensamento do Site Jeso Carneiro, sendo de total responsabilidade do(s) autor(es) as informações, juízos de valor e conceitos divulgados.

4 Comentários em: Cotado para diretor geral da Câmara é réu em 2 processos e indiciado na Perfuga

  • São com essas atitudes que o futuro presidente da Câmara Emir Aguiar quer resgatar a credibilidade da casa,como ele mesmo disse? Não tem jeito não, É a velha prática do toma lá da cá, nem a perfuga vigiando assusta..

  • Sugestão: Fazer um concurso para esse cargo, excluindo quem estiver condenado, investigado e suspeito de corrupção, roubo e furtos em geral.

  • Tem investigar minusionamente pq ainda existem muitas coisas obscuras nessa casa de vereadores!!! Mandato de prefeito e vereadores apartir de 2002 para esclarecer quaisquer desvios q a gestão teve!!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *