Em sabatina, médicos explicam por que são contra a terceirização da Saúde, Sabatina da Abop. Terceirização da Saúde

Junio, Ines e Everaldo na sabatina realizada pela ABOP no Barrudada Tropical Hotel

Os médicos Junio Azevedo e Everaldo Martins, além da sindicalista Maria Inês Dolzanis, participaram de uma sabatina promovida pela Abop (Associação dos Blogueiros do Oeste do Pará), sobre a terceirização dos serviços de Saúde em Santarém.

A entrevista foi realizada ontem de manhã, 7, no Barrudada Tropical Hotel.

Projeto de lei do Executivo, aprovado por unanimidade pela Câmara de Vereadores no mês passado, prevê a gestão do HMS (Hospital Municipal de Santarém) e da UPA 24h por uma OS (Organização Social).

3 empresas já sinalizaram interesse em participar desse serviço, cuja previsão é de iniciar em 60 dias.

Junio Azevedo, presidente do CMS (Conselho Municipal de Saúde), Everaldo Martins, ex-secretário de Saúde de Santarém e Belém, e Inês Dolzanis, conselheira do CMS, são contra a gestão da Saúde pública por OSs.

No vídeo abaixo, o Everaldo explica por que é contra.

Neste outro, Junio aponta razões para o seu posicionamento.

Nota do editor: textos, fotos, vídeos, tabelas e outros materiais publicados no espaço "comentários" não refletem necessariamente o pensamento do Site Jeso Carneiro, sendo de total responsabilidade do(s) autor(es) as informações, juízos de valor e conceitos divulgados.

2 Comentários em: Em sabatina, médicos explicam por que são contra a terceirização da Saúde

  • Eles, os médicos contra,estão visando somente interesses pessoais.

    • Você é muito suspeito para falar de interesses pessais dos outros médicos! qual o seu interesse como médico ser um secretário de saúde?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *