Comércio lidera empregos e empresas em Santarém; bancos pagam melhores salários
Santarém, em 2017, tinha cerca de 5 mil empresas formais

Em 2017, havia cerca de 5 mil (ou exatas 4.866) empresas formais (unidades locais) em Santarém, oeste do Pará. Esse total equivale 6% de todas as empresas existentes no estado — cerca de 80 mil. Belém é a cidade paraense que concentra o maior número delas: 20.586.

Esses dados são do Cadastro Central de Empresas (CEMPRE), divulgados semana passada pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

As empresas em Santarém com maior número de portas abertas são do ramo comercial, com 2.331 unidades operando, equivalente a quase 48%, o que demonstra a importância dessa atividade na 3ª maior cidade paraense — atrás apenas de Belém e Ananindeua.

Em segundo lugar, está o setor de educação, com 425 unidades (8,7%). O setor industrial aparece em 4º lugar, com 277 empresas.

Em 2017, ainda segundo o IBGE, havia 47.246 pessoas ocupadas nas empresas sediadas em Santarém, das quais 88% (41.589) trabalhavam como assalariadas.

As empresas que mais contratam pessoas atuam nas seguintes atividades:

 

— 1º) Comércio, com 14.167 pessoas

— 2º) Administração pública, defesa e seguridade social: 11.425

–3º) Educação, com 3.179 e

— 4º) Transporte, armazenagem e correio, com 2.886 pessoas.

O salário médio mensal pago aos trabalhadores no ano de 2017 em Santarém era de 2,2 salários mínimos (SMs), enquanto que em Belém, por exemplo, no mesmo ano a média era de 3,4 SMs.

O setor com maior média salarial é a de atividades financeiras (como bancos), seguros e serviços relacionados, com 6 salários mínimos, seguido pela educação (4,3 SMs) e água, esgoto, atividades de gestão de resíduos e descontaminação (4,2 SMs).

No comércio, a média salarial é de 1,8 salários mínimos.

LEIA também: Nélio paga primeira parcela do 13º, e injeta R$ 28 milhões na economia de Santarém

O Cadastro Central de Empresas (CEMPRE) abrange o universo das organizações inscritas no Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica CNPJ, da Secretaria da Receita Federal. O CEMPRE cobre entidades empresariais, órgãos da administração pública e instituições privadas sem fins lucrativos.

Com informações do IBGE e redação do blog

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *