Enfermeiras em Santarém se articulam para criar cooperativa de trabalho, enfermagem

Está em pleno curso, em Santarém, oeste do Pará, a criação de uma cooperativa de trabalho formada por profissionais de enfermagem, para prestar serviços remunerados a terceiros.

Será a primeira do tipo na região.

O blog apurou que o grupo de enfermeiras à frente da iniciativa recruta um total de, no mínimo, 20 profissionais da área para materializar o projeto. De acordo com a Lei do Cooperativismo (Lei 5.764/71), 20 é o número mínimo de pessoas físicas “com interesses idênticos” para se criar uma cooperativa.

 

A OS IPG, responsável pela gestão do hospital municipal Dr. Alberto Toletino Sotero, é a principal interessada em fechar contrato com cooperativas de profissionais da Saúde.

Uma cooperativa de Manaus (AM), de olho nesse filão, está com gana, grana e disposição de atuar no mercado em Santarém.

Leia também:
Prefeito de Belterra oferece Secretaria de Saúde à vereadora da oposição

  • 309
    Shares

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *