Gestão privada do HMS e UPA 24h custará R$ 5 milhões por mês para Santarém, UPA 24h DE sANTARÉM

UPA 24h, a única de Santarém, na avenida Curuá-Una

O governo Nélio Aguiar (DEM) vai pagar cerca de R$ 5 milhões por mês – ou exatos R$ 4.987.398,00 – para o IPG (Instituto Panamericano de Gestão) fazer a gestão do HMS (Hospital Municipal de Santarém) e a UPA 24h.

O contrato foi assinado no último dia 1º.

A OS (Organização Social) com sede em Goiânia tem contrato assinado de 36 meses (3 anos) com o município.

Ao final, a empresa irá embolsar dos cofres públicos pelo serviço R$ 179.546.328,00.

Leia também:
OS de Goiânia ganha a licitação para gestão do HMS e UPA 24

Nota do editor: textos, fotos, vídeos, tabelas e outros materiais publicados no espaço "comentários" não refletem necessariamente o pensamento do Site Jeso Carneiro, sendo de total responsabilidade do(s) autor(es) as informações, juízos de valor e conceitos divulgados.

5 Comentários em: Gestão privada do HMS e UPA 24h custará R$ 5 milhões por mês para Santarém

  • prova cabal… de que o problema n é dinheiro… é gestão… ou melhor falta de gestão… politicos n sabem gerir o dinheiro publico…

  • Desculpe jeso. E que ficou meio dubia sua noticia… Quando fala ao final que a empresa ira embolsar 179 milhões e meio dá se a entender que esse sera o lucro dela. Pode por gentilza me esclarecer detalhadamente? Obrigado

    • Alessandro, é quanto a empresa irá receber da PMS pelo serviço prestado ao longo de todo o período do contrato. Não se trata de lucro.

  • A ÚNICA DIFERENÇA QUE VAI ACONTECER NESTA POCILGA (DEUS ME PERDOE QUE EU NUNCA PRECISEI E PERMITA QUE EU NUNCA PRECISE) CHAMADA PSM É QUE AO INVÉS DE A “SAÚDE” QUE ATÉ ENTÃO ERA SEM FINS LUCRATIVOS, AGORA ELA VAI COMEÇAR A DAR LUCRO PRA ALGUÉM!

  • perfeito seu comentário Sr. Mauricio, nenhuma empresa no Brasil seja qual for sua classificação, não deixa de almejar lucro (Recebimentos -Gastos= Lucro), e pelo montante esta “OS” deve levar de taxa administrativa mais de 1 milhao de lucro de SAntarem, afinal nem relogio trabalha de graça, ainda irão usar mão de obra do município barata.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *