IPG não paga parcela prometida do 13º, e preocupa servidores do HMS e UPA 24h
UPA 24h em Santarém, na rodovia Curuá-Una

A OS (Organização Social) responsável pela gestão terceirizada do HMS (Hospital Municipal Dr. Alberto Tolentino Sotelo) e a UPA 24h, ambas em Santarém (PA), ainda não pagou a primeira parcela do 13º salário dos funcionários que trabalham nas duas unidades de saúde.

O pagamento da primeira parcela do 13º foi prometida pelo IPG (Instituto Panamericano de Gestão) para o final de novembro, ou seja, semana passada.

 

E nada até agora.

Os funcionários estão preocupados.

Alcançada pelo blog, a assessoria da OS garantiu que “a previsão” de pagamento é para “essa semana”.

O IPG recebe, todos os meses, pelos serviços prestados ao município, cerca de R$ 5 milhões.

— LEIA também: Vice do TJ nega recurso especial a empresário de Santarém condenado por corrupção

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *