Foragido de Santarém é preso em Manaus; ele foi condenado a 20 anos de prisão, Rodrigo de Castro-Xavier. Divulgacao Policia
Rodrigo Xavier, foragido de Santarém

O vendedor de carros Rodrigo de Castro Xavier, 32 anos, foragido da Justiça do Pará desde 2012, foi preso na madrugada de domingo (19), por volta das 3h, no bairro Cidade Nova, em Manaus (AM).

De acordo com o delegado Jander Mafra, titular do 6º DIP, Rodrigo foi conduzido ao prédio da unidade policial após desacatar um policial militar em um bar situado na rua Penetração do conjunto Galileia.

“Ao chegar à delegacia, o infrator se identificou como ‘Thiago’. Logo em seguida obtivemos a verdadeira identificação do elemento e descobrimos que se tratava de um foragido da Justiça do Pará. Rodrigo foi condenado a 20 anos de reclusão em regime fechado pela autoria do homicídio de Gleice Yasmin Corrêa, em 2008, no município de Santarém (PA). A vítima tinha 26 anos na época”, explicou Mafra.

O delegado relatou, ainda, que após passar 4 anos cumprindo pena no Centro de Recuperação Agrícola Silvio Hall de Moura (CRASHM), em Santarém, Rodrigo fugiu da unidade prisional e veio para Manaus.

“Em 2012, o juiz Gerson Marra Gomes, da 9ª Vara de Execuções Penais (VEP) da Comarca de Santarém, expediu mandado de prisão em nome do infrator. Por conta da ordem judicial, o infrator acabou preso”, disse.

Ao término dos procedimentos cabíveis, Rodrigo será encaminhado ao Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM), onde irá permanecer até ser recambiado para unidade prisional em Santarém.

Com informações do jornal Em Tempo

Leia também:
Mortes em confronto com a polícia em Oriximiná serão apuradas pela corregedoria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *