Juruti, Aveiro, Belterra, Curuá, Monte Alegre e Faro em 6 notas curtas
Marinete, Vilson, France e Darviley Sampaio

⚍ Juruti. Consultoria de R$ 250 mil

A Câmara de Vereadores de Juruti (PA), sem licitação (inexigibilidade), contratou serviços de consultoria e assessoria contábil da C. V. de Andrade Monteiro. Vai pagar R$ 250 mil, para um contrato de 3 fevereiro e 31 de dezembro deste ano. A Casa é presidida pelo vereador Carlos Alberto Batista (DEM).


 

⚍ Faro. Contas de Marinete reprovada

Nesta sexta-feira (6), a Câmara de Faro reprovou a prestação de contas de 2013, de responsabilidade da ex-prefeita Marinete Machado (2013-2016). O resultado deixa Marinete inelegível. A sessão foi comandada pelo vereador-presidente da Casa, Djalma Sousa, governista de carteirinha, com esposa secretária municipal do governo Jade Abreu.


⚍ Aveiro. Ação suspensa na Federal

O prefeito Vilson Gonçalves resolveu parcelar um débito tributário com a União e a ação (execução fiscal) em tramitação desde 2016 contra ele na Justiça Federal em Santarém foi suspensa. O bloqueio de parte de seus bens também foi suspenso.


⚍ Curuá. Contas de 2001 engatilhada

Acaba de chegar à Câmara de Vereadores de Curuá a prestação de contas de 2001, de responsabilidade do ex-prefeito Zé Preto. E já começou a tramitar na Casa, sendo encaminhada pelo presidente, João Rato (MDB) à Comissão de Economia, Finanças e Comércio para que emita parecer.

 

Monte Alegre. Luz sobre as diárias

A Justiça deu prazo de 5 dias, a partir da notificação, para que a Câmara de Vereadores entregue ao Conselho Popular pela Ética e Transparência de Monte Alegre toda documentação relativa a diárias pagas pela Casa aos vereadores nos anos de 2017 e 2018. Se a vereadora-presidente France Vasconcelos não cumprir a ordem judicial, será enquadrada em crime de desobediência.


⚍ Belterra. Passagem de cargo

O rito legal de passagem de comando para o vice-prefeito, quando das viagens do prefeito Dr. Macedo (DEM) para fora do município, não está sendo obedecido em Belterra. A denúncia é do próprio vice, Darviley Sampaio (MDB). Que já cobrou do médico explicações sobre essa ilegalidade.

— LEIA também: Câmara impõe nova derrota a Chico Alfaia ao aprovar contas de 2005 de ex-prefeito

Nota do editor: textos, fotos, vídeos, tabelas e outros materiais publicados no espaço "comentários" não refletem necessariamente o pensamento do Site Jeso Carneiro, sendo de total responsabilidade do(s) autor(es) as informações, juízos de valor e conceitos divulgados.

Um comentário em: Juruti, Aveiro, Belterra, Curuá, Monte Alegre e Faro em 6 notas curtas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Wilker Ferreira disse:

    Lembro-me muito bem quando o vice prefeito Everaldo Martins não podia assumir o cargo de prefeito em exercício quando o titular Ruy Corrêa viajava a serviço do município, com isso, não havia o tal rito legal de passagem de comando entre os gestores daquela época. Igualmente à Bela Terra.