Direita bolsonarista dividida terá duas candidaturas a prefeito em Oriximiná
Fonseca e Ferrari: direita dividida em Oriximiná. Foto montagem: BJ

Dividida, a direita conservadora e bolsonarista terá 2 candidatos a prefeito em Oriximiná, um dos mais importantes e estratégicos municípios do oeste do Pará.

Ainda que pertencentes ao mesmo espectro ideológico, Ângelo Ferrari (PTB), deputado estadual, e o Delegado Fonseca (PRTB), policial civil, não se bicam.

 

Apoiadores de Ferrari, por exemplo, tacham a candidatura do jovem delegado de ser mera linha auxiliar do prefeito Ludugero (PL), criada para facilitá-lo a reeleição.

Os apoiadores do Delegado Fonseca, por sua vez, carimbam a candidatura de Ângelo como doentia obsessão familiar dos Ferrari pelo poder, já rechaçada nas urnas de Oriximiná 4 vezes: 2000, 2004, 2012 e 2016 – as duas primeiras com Júnior Ferrari, hoje deputado federal, e as duas últimas com Ângelo Ferrari.

O PT também deve participar da disputa, com uma dobradinha puro sangue já definida: Zequinha Calderaro, vereador, e Sávio Pinheiro, professor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *