Ansiedade, como agir quando ela bate à porta. Por Luanna Silva

Quem não sentiu os efeitos de uma crise de ansiedade? Seja na forma mais aguda: mãos frias, o corpo tensionado, respiração acelerada, o coração palpitando. Ou na forma mais branda, com insônia, dificuldade de se concentrar, pensamentos repetitivos. A paz em risco.

É certo que quando fazemos planos, algumas coisas podem dar errado. Mas é certo também que tudo pode sair exatamente como o planejado. E o que mais assusta é justamente a existência dessas tantas possibilidades.

Luanna Silva *

Como seres humanos, é nossa tendência natural a tentativa de nos proteger. E a maioria de nós usa essa tática, a de antecipar as possibilidades, tentar prever o que pode acontecer de ruim e buscar fugir disso.

O complicado é quando perdemos o controle e esquecemos o outro lado, aquele que pode dar certo. Na maioria das vezes nem imaginamos o momento da vitória, mas sabemos exatamente o que pode acontecer na derrota.

No entanto, existe um jeito de evitar tudo isso, todo o desgaste da antecipação e do sofrimento avistado: escolha suas batalhas. Sempre foi impossível dar conta de tudo e fazer bem várias coisas. É preciso escolher. E quando escolher, cuide para que sejam coisas que o fascinam desde o início. O começo, meio e fim.

Porque a maior parte do que vivemos estão no caminho das conquistas, no processo de construção. O dia a dia é a nossa vida, e a nossa felicidade é reconhecida nas pequenas vitórias.

 

O dia da vitória é o momento final, ou o início de um novo ciclo. Mas até que se chegue a ele, precisamos percorrer o caminho. E é aí que temos que fazer valer a pena!

Sei que muitas das nossas lutas estão à revelia da nossa vontade, mas ainda assim podemos escolher o caminho. Ressignificar todos os dias, e mesmo reconhecer o trabalho árduo já é uma vitória.

— LEIA também: Recuperado da covid-19, nº 1 da Aces deixa hospital em Manaus, onde ficou em UTI

E se todos os dias você se der uma chance, reconhecer seus acertos, olhar para sua superação, você não está mais ansioso. Porque não precisa mais esperar. Você já está ganhando, todos os dias.

E de pequenas vitórias, todos os dias, você faz a sua grande celebração.

— * Luanna Silva, mora em Santarém, onde se fez curso superior em Psicologia (Iespes, 2016).


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *