Coluna Painel, da Folha de S. Paulo

dívida, dinheiroIntegrantes do governo debatem o uso de parte das reservas internacionais do Brasil, hoje em US$ 369 bilhões, para abater a dívida bruta do país.

Leia também – Números. 21 servidores federais no Pará foram exonerados em 2015.

Acreditam que a medida ajudaria a melhorar a situação fiscal e a baixar os juros, sem aumentar a inflação. O Planalto vê “com simpatia” a ideia, mas não pretende fazer o movimento agora, com o dólar em alta.

O plano, se vingar, é agir somente quando a economia der sinais de melhora — o que ainda pode demorar a acontecer.

O dinheiro pago pelo governo aos bancos públicos pelas pedaladas deve destravar empréstimos estratégicos, via BNDES, para três setores: construção civil, exportação e infraestrutura. O maior foco será para bancar o capital de giro de pequenas e médias empresas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *