Publicado em por em Arte, Negócios, Santarém

O evento é realizado há 7 anos em Santarém

Amazônia Fashion Weekend celebra a diversidade da moda; inicia nesta 6ª
O evento é realizado há 7 anos em Santarém. Fotos: Divulgação/AFW

Realizado há 7 anos em Santarém (PA), o Amazônia Fashion Weekend consolida-se como o único evento de moda do interior do Pará e, nesta edição, através do Edital de Multilinguagens da Lei Aldir Blanc, como espaço de lançamento de novos estilistas. Serão 15 desfiles nos dias 12 e 13 próximos no pátio central do Paraíso Shopping Center, sendo 11 de moda autoral.

— CONFIRA: Marília Mendonça: agora uma lenda da música brasileira. Por Silvan Cardoso.

O evento viaja pelos tecidos estampados e pintados manualmente da Grife Gato’s e nas peças de alfaiataria em tons sóbrios da Coleção SOU, inspirada no Boto Rosa e assinada por Suzane Gonçalves Atelier. A estilista Thaissa Becho apresenta em sua marca homônima de moda praia  cores vibrantes e modelagens que remetem ao visual dos anos 1980 e o jovem estilista Yann Canté tira dos croquis uma coleção inspirada na alta costura, intitulada “Amazônia em preto e branco”.

Pela primeira vez uma estilista trans se apresenta no #AFW21, Maria Flor, da Rolê da Flor, um trabalho artístico transcendental com a coleção Mulambra.

A Rataria entrega na passarela um fashion show ao som de GP, o criador da marca de camisas que são vendidas para custear a produção de músicas de trap, um subgênero do rap. Bem como a Baobá Amazônico, com camisetas da coleção AfroAmazônida com direito ao carimbó do Grupo El Puxirum. E o que falar da coleção da Lemmure? Camisas de tecido estonado, shorts e chinelos com a pegada moda praia, de Ipanema a Alter do Chão.

A marca De Sá trará para o desfile biojoias confeccionadas em cerâmica na Coleção Tapajônica. Bya Crochê resgata o chame das peças únicas produzidas com agulha e fios contínuos. E as ecobags criativas e descoladas da Haus G feitas artesanalmente pintadas à mão mostram-se acessórios regionais indispensáveis, assim como os trajes esportivos da Lupo e da Malwee – MH Store, marcas tradicionais que também desfilam no evento.

Line Up do Amazônia Fashion Weekend

12 de novembro

1.       Bya Crochê

2.       Grife Gatos Store

3.         Haus G

4.         De Sá

5.         Yann Canté

6.         Rolê da Flor

7.         Rataria

8.         Baobá Amazônico

13 de novembro

1.         Lupo (Infantil)

2.         Malwee – MH Store (Infantil)

3.         Suzane Gonçalves Atelier

4.         Thaissa Becho

5.         Lemmure

6.         Malwee – MH Store

7.         Lupo

Identidade do Amazônia Fashion

A estampa com grafismos indígenas das pinturas geométricas produzidas em território paraense, com preto e branco e off White predominantes, originalmente criada pelo estilista Victor Dzenk, marca a identidade visual do Amazônia Fashion Weekend.

Cada etnia da Amazônia possui um tipo específico de grafismo, uma identidade com traços normalmente produzidos a partir de tintas naturais aplicadas na pele, como Jenipapo.

Com informações do jornalista Fábio Barbosa


Publicado por:

2 Comentários em Amazônia Fashion Weekend celebra a diversidade da moda; inicia nesta 6ª

    1. Às 19h, Cidmil, segundo o jornalista Fábio Barbosa, devidamente alcançado pelo BJ para responder a sua indagação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *