Foto: Celivaldo Carneiro/Gazeta de Santarém
Barco ao fundo em Santarém - Amazônia

O barco Chico Sena afundou hoje de manhã em Santarém. Ele estava “estacionado” no rio Tapajós, em frente ao Museu João Fona. Uma balsa, na hora da chuva matinal, com fortes rajadas de vento, chocou-se com o barco, e o levou à pique. Ainda assim, conseguiram arrastá-lo para o cais da orla na avenida Adriano Pimentel, a fim de que ela não fosse ao fundo.

Nota do editor: textos, fotos, vídeos, tabelas e outros materiais publicados no espaço "comentários" não refletem necessariamente o pensamento do Site Jeso Carneiro, sendo de total responsabilidade do(s) autor(es) as informações, juízos de valor e conceitos divulgados.

8 Comentários em: Foto do dia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • p.bird disse:

    É a burguesia, caro mestre, que está afundando, esse barco nao é do Luizinho da MADESA?

    1. Jeso Carneiro disse:

      Sim, é dele mesmo.

  • Luis Claudio da Silva Barbalho. disse:

    Olá,
    vc poderia informar os dados da balsa que se envlolveu no acidente?

    Obrigado

    1. Jeso Carneiro disse:

      Só sei que a balsa, Barbalho, pertence à empresa Bertolini.

  • Elbio Pedroso disse:

    Essa foto….imagino já, essa CENA, como, o TIMECO chamado GATO PRETO PIRENTO, vai afundar em Novembro/2010. Que vai a pique …..vai e vai pra serie H,I,J, GATO PRETO.
    Como GATO Preto Fedido Fedorento NÃO GOSTA DE AGUA ….. serei um dos espectadores,
    Essa cena verei!! Que tu volta pro teu balaio isso tu volta…GATO PRETO PIRENTO e VAI COM PIRA E TUDO.

  • Rosana disse:

    moro em Brasília e fico muito feliz quando vejo imagens curiosas como essa graças a Deus ninguém se machucou

  • EVERALDO PORTELA disse:

    “Vocês podem me detonar que, no final, engulo todos vocês!”
    “Vocês vão e eu fico!”

  • EVERALDO PORTELA disse:

    O temporal desta madrugada foi grande mesmo! O estrago poderia ter sido maior…
    A natureza está mandando seu recado: “me respeitem, não brinquem comigo!”