Alter do Chão, rota da droga

Publicado em por em Comentários, Segurança Pública

Do leitor que se assina Skrotinho, sobre o post Polícia apreende 100 quilos de cocaína:

Estive em Alter [do Chão] esse final de semana, Jeso, e ouvir muitas histórias contadas pelos nativos sobre o tráfico de drogas que acontece às proximidades dali.

São historias de aviões jogando sacola com drogas, bajaras encontradas boiando pelo rio Tapajós, sinalizadores no fundo rio piscando, motores de popa encontrados dentro do mato jogados, uma série de historias interessantes.

Talvez essa seja uma delas que não deu certo. Agora, imagina o tanto de droga que não são pegas e passam para o Sul Maravilha?


Publicado por:

8 Comentários em Alter do Chão, rota da droga

  • Espero que não seja verdade esse assunto, pois trabalhamos o ano inteiro guardamos nossas economias para desfrutar nossas férias em Santarém com a família e visitar a praia de alter do chão inclusive estou hospedado em um hotel na noite de hoje e não fiquei nada contente com essa noticia, espero que as autoridades possam ficar de olho.

  • Já que é assim Sr. Pedro Augusto, porque a PC não pega o “GRANDE” distribuidor das drogas na região, e não ficar pegando somente o pequeno atravessador. Tá na hora dessa policia, tão competente como voce fala, entregar para a sociedade o “GRANDE” distribuidor. Senão correm o risco da sociedade achar que ela está envolvida também nessa “GRANDE” distribuição.
    E me parece que uma boa parte da sociedade sabe quem são esses grandes. Só a competente policia não sabe?

    1. O ato espetaculoso, como diria Gilmar Dantas Mendes, não é so prender esses miseraveis, a Policia deve sim uma explicação a sociedade. Mostrar que prende tantos quilos é fácil, mas cadê os donos? Isso é que o contribuinte quer saber.
      Enquanto prende depedente quimico com dois papelotes de magonha, os verdadeiros banditos estão desfilando em nossas barbas rindo da nossa (?) cara.
      Concordo com você Skrotinho!!

  • Sr. Skrotinho, a Polícia Civil está desempenhando um excelente trabalho de repressão as drogas em nossa região, mais que qualquer outra. Isso é o reflexo da credibilidade que a PC tem com a sociedade, semana passada vi nos jornais que foi quase uma Ponto de droga por dia fechada pela PC. Desse jeito, solicito ao colega que de uma ligação para a DPC para, anonimamente repassar as informações que com certeza os investigadores irão checar. Digo isso que uma vez informei e eles resolveram a questão. Vamos ser cidadão, vamos informar a polícia e ajudar a combater esse mal que está arruinando, devagarzinho, com a nossa sociedade. Diga não as drogas. Valeu Polícia Civil, cadeia nesses traficantes.

    1. Pedro Augusto, endosso as suas palavras. É espetacular o trabalho da Polícia Civil (e Federal) no combate às drogas. Com um detalhe: sem contar com uma estrutura logística e de pessoal nos cacos. Imagine se tivessem.

  • Caros: Skrotinho e Baixinho,
    O que está acontecendo com Alter do Chão é o mesmo que aconteceu com o BRASIL cujos primeiros habitantes foram os indigenas, o branco chegou expulsou-os, sabemos que nossas autoridades estão de olhos nos gringos e até mesmos nos nacionais pois todos vão se estabelecendo aqui em diversos tipos de comercio

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *