Juiz autoriza abertura da caixa preta da pesquisa que Nélio lidera para prefeito

Por decisão do juiz Claytoney Ferreira, a empresa responsável pela pesquisa em que Nélio Aguiar aparece, surpreendentemente, na liderança da disputa para Prefeitura de Santarém (PA), terá que abrir ‘a caixa preta’ do levantamento, e entregar os dados para coligação Juntos Por Santarém, encabeçada pelo PT.

A autorização foi decidida nesta terça-feira (10).

 

Publicada no sábado (7), e pesquisa coloca o prefeito e candidato do DEM à reeleição com 41% das intenções de voto. Maria (PT) aparece em seguida com 36%. O comitê de campanha de Nélio pagou R$ 28 mil à Opinião Pesquisa e Assessoria pelo serviço.

Com sede em Curitiba (PR), a empresa terá que liberar o acesso a todos os dados da pesquisa, tais como “identificação dos entrevistadores, planilhas individuais, mapas, modelo de questionário aplicado”, entre outros dados do levantamento.

A defesa da coligação Juntos Por Santarém, sob a batuta dos advogados Aline Hoyos, Walmir Brelaz e Suziane Américo, destacou na representação eleitoral o elevado valor pago pela pesquisa, “manifestamente superior
aos valores de mercado, inclusive, os cobrados pela própria requerida [Opinião Pesquisa e Assessoria], que variam entre R$ 5.500,00 a R$ 12.000,00″.

“Defiro o pedido formulado”, decidiu Claytoney Ferreira, da 83ª Zona Eleitoral.

Nota do editor: textos, fotos, vídeos, tabelas e outros materiais publicados no espaço "comentários" não refletem necessariamente o pensamento do Site Jeso Carneiro, sendo de total responsabilidade do(s) autor(es) as informações, juízos de valor e conceitos divulgados.

Um comentário em: Juiz autoriza abertura da ‘caixa preta’ da pesquisa que colocou Nélio na liderança

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *