Frase do dia

Publicado em por em Política

5 Comentários em Frase do dia

  • E tem mais Tibério, se o teu sangue é de Mussolini, nas veias do meu cérebro corre sangue gramsciano… Não tem jeito, tu estais de um dado e eu de outro. A minha revolução é permanente… enquanto vc já está no paraíso!!!

  • Desde que o Prof Everaldo Portela aderiu a neo-udenismo da direita golpista e da esquerda de botequim, ele só profere “frases feitas, estonteantes e vazias”.
    É o moralismo de sacristia.

    Miséria e esplendor dos ex-esquerdista!

    Tiberio Alloggio

    1. Tibério, Tibério, sabes o que é uma falácia … Você retrucou com outra falácia… Preferiu me atacar com inverdades, com rótulos por não conseguir combater minhas idéias…Nisso vcs são profissionais!
      Sabe de uma coisa: vá trabalhar! Não fique ganhando dinheiro às custas de projetos que deveriam beneficiar as populações ribeirinhas da Amazônia… A sua sustentabilidade é falsa!!!

      1. Prof. Everaldo, não seja tão agressivo com o Tibério, apesar de sua visão deturpada e do seu elevado estado etílico quando da confecção de seus textos em defesa de seu partido, inegavelmente, a organização não-governamental que representa – Projeto Saúde e Alegria -, tem prestado relevantes serviços a região do baixo amazonas. Senão vejamos:
        Trouxe para cá uma matéria que passara a nível nacional no programa sabático do caldeirão do huck, sobre a difícil adaptação do estilo de vida de uma família oriunda do sudeste, mas precisamente da região de Campinas, nas entranhas da região amazônica, que lindo, fiquei emocionado! Fomenta todos os dias à economia local, com o café da manha pago com dinheiro público para seus lideres em uma pizzaria, localizada na Av. Cuiabá, de propriedade de um companheiro de partido, almoços em churrascaria no centro da cidade quase que todos os dias, casas de veraneios em umas das praias mais requisitadas da região, shows de bobagens eloqüentes feitas por um palhaço que por lá habita, e ainda por cima, um navio de grande porte atracado na frente da cidade ( Abaré) que só sai em época de disputa eleitoral reconpondo dentes carreados de nativos da região, assim como distribuindo remédios para amebíase aos ribeirinhos, não esquecendo, é claro, do santinho com o número e o nome do candidato petista a ser votado, que o diga a Polícia Federal, na última campanha ao executivo municipal santareno.
        Enfim, prof. Everaldo, até que a CPI das ONG´S me mostre o contrário, os investimentos magnânimo do governo federal em tal organização não-governamental são consistentes a ponto de lastrear as vultuosas somas de recursos aos mesmos disponibilizados?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *