Comércio afrouxa medidas contra covid-19 e Santarém poderá ter novo lockdown
Santarém, novo lockdown não está descartado. O comércio afrouxou as medidas de prevenção à covid-19. Foto: Ádrio Denner/Arquivo Blog do Jeso

Medidas de prevenção contra novos casos de covid-19, como distanciamento entre as pessoas, uso de máscara e de álcool em gel, principalmente na área comercial, estão sendo ignorados e podem provocar novo lockdown (bloqueio total, em inglês) em Santarém (PA).

Nesta sexta-feira (31), o município registrou 10.817 casos de pessoas infectadas pelo novo coronavírus, dos quais 418 resultaram em morte. 813 pacientes infectados estão em isolamento domiciliar, de acordo com boletim epidemiológico da Semsa (Secretaria Municipal de Saúde) divulgado ontem.

 

O Blog do Jeso apurou que, diante desse cenário, o MPPA (Ministério Público do Pará) poderá ingressar com ação nos próximos dias pedindo à Justiça que obrigue o município a decretar novo bloqueio total de atividades não essenciais. Um lockdown ainda mais rigoroso do que a cidade experimentou na primeira onda da doença.

No HRBA (Hospital Regional do Baixo Amazonas), unidade de saúde de referência do tratamento da doença na região, há fila para internamento de pacientes em estado mais grave. O prefeito Nélio Aguiar (DEM) é um dos que estão ali hospitalizados.

A situação fugiu na normalidade e entrou em estado de alerta com relação ao número de leitos de UTI nas regiões do Baixo Amazonas e Tapajós, conforme boletim do 9º CRS (Centro Regional de Saúde), vinculado à Sespa (Secretaria de Estado de Saúde do Pará), obtido pelo blog.

Servidores hostilizados no comércio

A Divisão de Vigilância Sanitária (Divisa), vinculada à Semsa, tem sido acionada nos últimos dias para fiscalizar o cumprimento das normas de prevenção à covid-19 na área comercial. Mas em muitos casos os servidores têm sido hostilizados por comerciantes. A PM chegou a ser acionada para garantir a segurança dos agentes de saúde.

LEIA também: Diabéticos, com covid-19 e no Regional: quadro clínico de Nélio, Celivaldo e Birinha

Nota do editor: textos, fotos, vídeos, tabelas e outros materiais publicados no espaço "comentários" não refletem necessariamente o pensamento do Site Jeso Carneiro, sendo de total responsabilidade do(s) autor(es) as informações, juízos de valor e conceitos divulgados.

5 Comentários em: Comércio afrouxa medidas contra covid-19 e Santarém poderá ter novo lockdown

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *