-1
Armador fluvial, Rosemiro Salgado morre aos 88 anos; viveu em Juruti, Santarém e Belém
Rosemiro Canto, nasceu em Juruti. Foto: álbum familiar

Rosemiro Salgado Canto morreu nesta tarde de quinta-feira (28), em Belém (PA), onde residia há 30 anos, de câncer generalizado. Estava hospitalizado no Ophir Loyola.

Com 88 anos, o armador fluvial aposentado deixa viúva Nássara Canto. O casal teve 12 filhos, entre os quais o advogado Rosemiro Filho, a enfermeira Vera Bertagnoli e o administrador Nilton Canto.

Nascido em Juruti, Rosemiro Canto morou por muitos anos em Santarém, onde exerceu as profissões de marítimo e, depois, de armador fluvial. Chegou a ser proprietário de embarcação de passageiros.

 

Também trabalhou por muitos anos como comandante da barco-hospital da Fundação Esperança que fazia atendimento médico em comunidades no interior de Santarém.

Aposentado, mudou-se para Belém, onde viveu até seus últimos dias. Tinha 22 netos e 14 bisnetos.

“Foi um guerreiro, homem alegre, brincalhão que deixa como legado a todos nós a sua fé e espírito forte para lutar pelo que sempre quis na vida”, lembra o filho Nilton Canto.

Será cremado ainda hoje em Belém.

Vídeo de Martinho Júnior, neto

LEIA também: Morre mãe de advogada e ex-apresentadora de TV que comandou o Procon

Nota do editor: textos, fotos, vídeos, tabelas e outros materiais publicados no espaço "comentários" não refletem necessariamente o pensamento do Site Jeso Carneiro, sendo de total responsabilidade do(s) autor(es) as informações, juízos de valor e conceitos divulgados.

4 Comentários em: Armador fluvial, Rosemiro Salgado morre aos 88 anos; viveu em Juruti, Santarém e Belém

  • Só nos resta recordar com muita saudades de meu tio Miro Canto, em minha estadia em Belém quando fui fazer o curso pra Capitão Fluvial no Ciaba, tio Miro nos contava de suas aventuras quando na época viajava pelo belos rios amazônicos. Que Deus possa confortar o coração de minha tia Nassara Carneiro

  • O homem , o pai , o cidadão deixa sua marca na vida , na familia , na sociedade , faz historia na navegação fluvial e comercial .Impulcionando o crecimento da reunião e de todo um povo , fez o seu papel a que estava destinado desde o seu nascimento . O senhor jesus está melhor acompanhado agora. . Siga em frente em sua nova jornada .

  • Conheci o Sr, Miro Canto. Morou muitos anos na Rua Galdino Veloso, entre as travessas Senador Lemos e Padre João, próximo à residencia de meu pai Taciano Viana Palha.. Foi um trabalhador incansável e honesto.
    Que Deus o acolha em seus braços, dando-lhe o descanso eterno.

  • Luz e paz à sua alma, grande amigo da família!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *