Brasil 247

Deputados e senadores estão reunidos, neste momento, no plenário do Senado para a sessão solene destinada a devolver simbolicamente o mandato presidencial a João Goulart (1919-1976). Um golpe de Estado depôs Jango em 1964, dando início ao regime militar, que durou até 1985.

Leia também:
PSB flerta com DEM.

Participam da solenidade os presidentes do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), na presidência dos trabalhos; da Câmara, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN); a presidente da República, Dilma Rousseff; o vice-presidente, Michel Temer, além de ministros e integrantes das Forças Armadas, entre outros. Da parte da família de João Goulart, está presente o filho, João Vicente Goulart.

Antes da sessão, Renan afirmou que esta sessão “é uma reparação histórica”. Para Henrique Eduardo Alves, “é com muita honra que a Câmara participa ao lado do Senado desse momento histórico. É um momento de resgatar direitos e a honra do presidente João Goulart”.

Leia mais em brasil247.com/+bngfq" target="_blank">Sessão do Congresso devolve mandato de Jango.

Nota do editor: textos, fotos, vídeos, tabelas e outros materiais publicados no espaço "comentários" não refletem necessariamente o pensamento do Site Jeso Carneiro, sendo de total responsabilidade do(s) autor(es) as informações, juízos de valor e conceitos divulgados.

5 Comentários em: Congresso devolve mandato de João Goulart

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Telma Amazonas disse:

    Meus aplausos.
    o Erro não será reparado nunca, mas vai descer goela abaixo do imorais: milicos, imprensa golpista como a Globo e da Casa Grande.

  • Tiberio Alloggio disse:

    Putz….

    Os pantufas do Blog que já vivem “putos da vida”…

    …..agora vão querer tirar o pijama…. sair do sofá e se agregar aos Black Block do santarezinho

    é melhor começar se prevenir e preparar uma acolhença no zoológico da FIT

    é preciso recolhe-los antes de sua provável extinção

    Tiberio Alloggio

  • Porém disse:

    Devolver de morto é fácil. Quero ver devolverem o de Collor, pois até Lula em palanque de Alagoas ao lado desse reconheceu, que tudo não passou de obra do canalhas piginais que pintou a cara de um bando de moleques e levou para rua como se fosse povo, quando o que queriam eram produzir polítocos milhões de vezes mais corruptos

  • Marcelo disse:

    ISTO É O MINIMO QUE ELE MERECE. ROUBARAM-LHE O MANDATO LEGITIMO, CONQUISTADO NAS URNAS. GOLPE MILITAR NUNCA MAIS. TORTURA NUNCA MAIS. ASSASSINOS NUNCA MAIS.

  • Anônimo disse:

    Onde é a posse? No cemitério?