Defesa de eleito com zero gasto de campanha afirma

Jancey Alves e o vereador Renilson Silva: caso em tramitação na Justiça Eleitoral. Foto montagem: Blog do Jeso/Fotos: Facebook

À frente da defesa do vereador Relison Silva (PSB), a advogada Janecy Alves declarou ao Blog do Jeso que seu cliente “não tinha e nem recebeu recursos” para a campanha eleitoral que participou – e foi eleito – no ano passado.

Em janeiro deste ano, o blog revelou o caso ocorrido em Belterra (PA) e que levou o mecânico de manutenção Relison Silva de Nascimento, 34 anos, à Câmara de Vereadores sem ter desembolsado um único centavo na disputa. Ele obteve 210 votos e conseguiu a última vaga para a Casa.

 

Nesta quinta-feira (4), o parlamentar foi notificado pela Justiça Eleitoral para que se manifeste sobre a sua prestação de contas zerada. Hoje começou a contar o prazo de 3 dias para que ele protocole a sua defesa nos autos do processo.

“Vamos informar o que foi solicitado, para esclarecer a situação. Até porque ele não tinha recursos e nem recebeu nenhum tipo de recurso partidário”, adiantou Janecy Alves.

Entre os eleitos, o maior gasto registrado na Justiça Eleitoral em Belterra foi de Jonas Palheta, do DEM, com R$ 11,5 mil – receita de R$ 16,4 mil -, seguido de Malu (DEM), com despesas de R$ 10 mil – e receita de R$ 13,9 mil.

Se for punido com a perda de mandato, Relison Silva terá a sua vaga preenchida pelo primeiro suplente do PSB, Anderson Augusto, que teve 139 votos.


📹 Assine o canal do Blog do Jeso no Youtube, e assista a dezenas e dezenas de vídeos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *