Unidade do Ministério Público do Pará em Faro retorna ao trabalho presencial
Faro, no oeste do Pará: retorno às atividades presenciais do MPPA. Foto: Google

O Ministério Público do Pará (MPPA) atualizou a portaria Nº 1910/2020-MP/PGJ, que instituiu o Plano de Retorno do Trabalho Presencial (PRTP). Nela consta que alguns municípios estão autorizados a retornar aos trabalhos, entre eles Faro, no oeste do Pará.

A informação foi confirmada por meio do diário oficial do Pará na quinta-feira (20).

 

De acordo com o MPPA, o objetivo do plano é garantir, de forma segura, o retorno das atividades presenciais, mediante um conjunto de ações orientadas à prevenção e minimização do risco de contágio e propagação novo coronavírus como o rodízio de servidores, adoção do distanciamento e uso obrigatório de máscara.

O Ministério Público do Pará, assim como o Tribunal de Justiça estão efetuando o retorno das suas atividades presenciais de forma gradativa.

No Baixo Amazonas, outros municípios também estão na lista: Alenquer, Almeirim, Monte Dourado, Juruti, Monte Alegre, Óbidos, Oriximiná, Prainha e Terra Santa.

Santarém foi o primeiro município a adotar o procedimento, no dia 12 de agosto.

LEIA também: Contratos de R$ 920 mil de advogados com Prefeitura de Alenquer cai na radar do MP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *