Alcoa e Acorjuve vão virar o ano com a relação em alto nível de estremecimento
Bauxita extraída pela mineradora no oeste do Pará

A relação entre a Alcoa e a Acorjuve degringolou na reta final 2019, e vai virar o ano com nível de estremecimento bem elevado.

Desde de setembro, por exemplo, a mineradora está proibida de entrar em território de Juruti Velho, para realizar ações sociais, educativas em benefícios dos moradores das comunidades na região.

 

A ordem foi dada pelo presidente da Acorjuve (Associação das Comunidades de Juruti Velho), Gerdeonor Santos, à frente da entidade desde a sua criação, em 2004.

De janeiro a setembro deste ano, a Acorjuve recebeu da Alcoa R$ 5,1 milhões por participação nos resultados da lavra de bauxita que a empresa realiza em Juruti (PA). Nos últimos 10 anos, o repasse rompeu a barreira dos R$ 60 milhões.

X do problema

O provável nó górdio desse estremecimento é a implementação, já em 2020, da Fundação Juruti Velho, a quem caberá gerir e prestar contas dos recursos repassados pela Alcoa para as 52 comunidades de Juruti Velho.

Gerdeonor teria dado um passo atrás e agora trabalha contra o TC (Termo de Compromisso) que ele próprio assinou junto com o MPF, MPPA e Alcoa, em 2015.

— LEIA também: Repasse da Alcoa para Acorjuve é bloqueado para pagar calote de R$ 320 mil

Nota do editor: textos, fotos, vídeos, tabelas e outros materiais publicados no espaço "comentários" não refletem necessariamente o pensamento do Site Jeso Carneiro, sendo de total responsabilidade do(s) autor(es) as informações, juízos de valor e conceitos divulgados.

2 Comentários em: Alcoa e Acorjuve vão virar o ano com a relação em alto nível de estremecimento

  • Esse cara chamado Gordenor é um bandidão, ele pensa que o povo e a Alcoa são besta, mas os dias dele estão contados, um dia veremos Geordenor e seus comparsas na cadeia!

  • E as casas do INCRA que a ACOJURVE NÃO FEZ QUANDO vão prender GEDENOR e a máfia do Incra

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *