Acusados de corruptos, policiais repudiam
Delegacia da Polícia Civil do Pará em Oriximiná: ninho de policiais acusados de extorsão a empresários, segundo o prefeito Delegado Fonseca. Foto: Agência Pará/Arquivo BJ

A Associação e Sindicato dos Delegados do Pará (Assindelp) saiu em defesa dos policiais civis lotados em Oriximiná (PA). Eles foram acusados pelo prefeito William Fonseca, o Delegado Fonseca (PRTB), de corruptos em postagem feita nas redes sociais nesta segunda-feira (26).

“O governador [Helder Barbalho] colocou policiais civis em Oriximiná para me perseguir politicamente, inclusive dando declarações depreciativas a meu respeito, mesmo ocupando uma função de estado [sic]. Esses policiais que para aqui vieram estão extorquindo empresários do nosso município”, escreveu o prefeito, sem apresentar provas.

 

A Assindelp reagiu. Eis a nota de repúdio divulgada hoje pela entidade.

A ASSINDELP -ASSOCIAÇÃO E SINDICATO DOS DELEGADOS DO PARÁ – vem a público REPUDIAR as leviandades proferidas através de vídeo divulgado em redes sociais, onde o Prefeito de Oriximiná, acusa todos os policiais civis daquele município de corruptos.

Manifestamos total apoio aos policiais da cidade, os quais estão sendo enredados em brigas políticas que não possuem qualquer pertinência à sua atuação como Policiais, cargo que exerce com imparcialidade e tecnicidade.

As Diretorias

A seguir, a íntegra da postagem feita pelo prefeito em sua página no Facebook:

— Sobre esse caso, leia também: Prefeito manda prender crítico de seu governo, e diz que sofreu atentado; vídeos


Assine e participe, comente no canal do Blog do Jeso no Telegram

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *