Os 10 hospitais públicos de excelência do país; 2 são do Pará

Dos 2.987 hospitais públicos que atendem ao Sistema Único de Saúde (SUS) no Brasil, apenas 10 se destacam por oferecer um elevado padrão de atendimento à população chancelado pelo certificado de excelência concedido pela Organização Nacional de Acreditação (ONA). A informação é da revista Exame.

Entre os 10, dois estão no Pará.

– A lista dos 10 hospitais públicos já acreditados abrange unidades de 12 estados brasileiros – metade delas está localizada só no estado de São Paulo – informa a revista.

Confira abaixo a lista.

Hospital Regional do Baixo Amazonas
Gestão: OSS (Pró-Saúde)
Cidade: Santarém/PA – foto

– Hospital Municipal de M’Boi Mirim
Gestão: OSS (Einstein)
Cidade: São Paulo/SP

– Hospital Regional Público da Transamazônica
Gestão: OSS (Pró-Saúde)
Cidade: Altamira/PA

– Hospital Regional de Cotia
Gestão: OSS (Seconsi)
Cidade: Cotia/SP

– Hospital Estadual de Sumaré
Gestão: OSS (Unicamp)
Cidade: Sumaré/SP

– Hospital Estadual de Vila Alpina
Gestão: OSS (Seconsi)
Cidade: São Paulo/SP

– Hospital das Clínicas Luzia de Pinho Melo
Gestão: OSS (SPDM)
Cidade: Mogi as Cruzes/SP

– Hospital Estadual de Diadema
Gestão: OSS (SPDM)
Cidade: Diadema/SP

– Hospital Geral de Itapecerica da Serra
Gestão: OSS (Seconsi)
Cidade: Itapecerica da Serra/SP

– Hospital Estadual Transp. Câncer e Cirurgia Infantil
Gestão: Estadual
Cidade: Rio de Janeiro/RJ

  • 7
    Shares

Nota do editor: textos, fotos, vídeos, tabelas e outros materiais publicados no espaço "comentários" não refletem necessariamente o pensamento do Site Jeso Carneiro, sendo de total responsabilidade do(s) autor(es) as informações, juízos de valor e conceitos divulgados.

9 Comentários em: Os 10 hospitais públicos de excelência do país; 2 são do Pará

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • pedro augusto disse:

    Hospital de excelência. Precisei do Hospital Regional e fui bem atendido por todos o corpo de funcionários de tive contato.
    Amigo Jeso, acredito que essa excelência no atendimento é por causa de sua gestão ser privada. Infelizmente se fosse pública não seria esse exemplo de hospital

  • Karlisson Eder da Cunha Lima disse:

    Jeso, qual sua opnião ( e dos demais leitores ) do fato que…, estes hospitais são gerenciados por OS, e apenas 01 hospital ser gestão estadual?
    Será que esse é o caminho??? Colocar as OS para administrar a saúde publica?

    1. Jeso Carneiro disse:

      Minha opinião, caro doutor Karlisson, é mensurada pelos resultados. O HRBA é um bom hospital sob a gestão de uma OSS? Sim. Então sou plenamente favorável. Não Lembrando que o HRBA atende tão somente casos de alta e médica complexidade.

      1. Karlisson Eder da Cunha Lima disse:

        Jeso, penso da mesma forma. Acredito que seria uma saída essa forma de gestão. Tanto para Hospitais Grandes como também hospitais Unidades básicas de saúde ( Os Famosos ” potinhos” ). No rio de Janeiro ocorre isso. As OS gerenciam as Unidades básicas de saúde. Por coincidência ou não, estas unidades são mais resolutivas, e acabam proporcionado mais efetividade no manejos da maiorias das doenças.

        1. Jeso Carneiro disse:

          Não sabia dessa prática de gestão de OSs em unidades básicas de saúde. Interessante.

  • SÉRGIO CAMPOS disse:

    Bom dia Jeso,

    Minha Filha Mariana Campos, fez uma cirurgia plástica reparadora no nosso Gigante Hospital Regional de Santarém. Foi um sucesso o atendimento exemplar, quero externar meus sinceros agradecimentos ao Talentoso, Competente e humano Dr. Euler Amaral, que juntamente com sua equipe e todo o Hospital estão de parabéns.
    Grato a todos e a Deus.

    Sérgio Campos

  • aguinaldo dantas sobrinho= bolinha disse:

    PARABENS POR AI SE VER QUE O HOSPITAL DE SANTAREM , ESTAR NESTA LISTA, E JÁ FUI ATENDIDO NO REGIONAL, E NÃO FICA ATRÁS DE GRANDES HOSPITAIS DA CAPITAL DO ESTADO

  • Antonio disse:

    E, porque tantas reclamações em Santarém? Seria injusta?

    1. Jeso Carneiro disse:

      Qual o hospital do SUS que é uma ilha de bonança, sem telhado de vidro, em meio a grave crise na área de Saúde que o pais vive, caro Antonio? As reclamações estão dentro da normalidade, considerando-se esse quadro.

      Além de tudo, o HRBA tem as suas especificidades. Uma delas, é de ser um hospital de alta e média complexidade, portanto de portas fechadas aos casos mais comezinhos da área médica.