Escola Fernando Guilhon, em Mojuí dos CamposEscola Estadual Fernando Guilhon, em Mojuí dos Campos

dirceu amoedoAs escolas estaduais de Santarém, Belterra, Aveiro e Mojuí dos Campos terão 3 calendários letivos diferentes, informa o diretor da 5ª URE Unidade Regional de Ensino/Seduc, Dirceu Amoedo [foto].

No Leia Mais, abaixo, confira quando começam as aulas deste ano nas escolas sob jurisdição da 5ª URE.

Leia também – Emater abre sindicancia para apurar irregularidades no escritório em Belterra.

O triplo calendário é consequência da greve, com duração de 72 dias, deflagrada pelos professores da rede pública estadual no ano passado em todo o Pará.

O ano escolar inicia no dia 11 de fevereiro, em 15 escolas estaduais.

“Algumas escolas não aderiram à paralisação, outras só grevaram alguns dias e, por fim, há casos de escolas que não funcionaram durante toda a greve”, explica o pedagogo e nº 1 da 5ª URE.

“O calendário escolar deste ano foi confeccionado com base nessa situação”.

Conforme rege a Lei de Diretrizes e Bases da Educação (LDB), o calendário letivo das escolas em todo o país contemplar 200 dias letivos ou 800 horas/aula.

Calendário escolar estadual em Santarém 2016

Dia 11 de fevereiro
Nossa Senhora de Guadalupe
Belo de Cavalho
Maria Uchoa
Terezinha de Jesus Rodrigues
Apae
Barão do Tapajós
Fernando Guilhon, em Mojuí dos Campos.
N. S. Aparecida
São Felipe
José de Alencar
São Raimundo Nonato
Moraes Sarmento
São Francisco
Frei Othimar
Eduardo Angelin, em Aveiro

07 de março
Romana Leal
Pedro Álvares Cabral
Jader Barbalho
Felisbelo Jaguar Sussuarana
Rodrigues dos Santos
Plácido de Castro
Unidade de Educação Especial
Richard Hennington

21 de março
Gonçalves Dias
Madre Imaculada
Onesima Pereira de Barros
Aluísio Martins
Dom Tiago
Júlia Passarinho
Wilson Fonseca
Álvaro Adolfo
Frei Ambrósio
Almirante Soares Dutra
Rio Tapajós
Waldemar Maués, em Belterra

Nota do editor: textos, fotos, vídeos, tabelas e outros materiais publicados no espaço "comentários" não refletem necessariamente o pensamento do Site Jeso Carneiro, sendo de total responsabilidade do(s) autor(es) as informações, juízos de valor e conceitos divulgados.

4 Comentários em: Por causa da greve de 72 dias, escolas estaduais terão 3 calendários letivos neste ano

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Mãe de aluno disse:

    Caro Jeso,
    Obrigada pela resposta. Mas, isso não é verdade. As aulas efetivas do Barão iniciarão no dia 04/02, sim. É só ir lá… Eu mesma tenho meu comprovante de matrícula e está a data de 04/02. Conversei com outra mãe e essa me disse que o José de Alencar também será dia 04/02.
    Na verdade, acho que são 4 calendários mesmo.

  • Mãe de aluno disse:

    Jeso,
    Alguém tá mentindo ou tá enganado ou tá enganando.
    A Escola Barão do Tapajós vai começar as aulas no dia 04 de fevereiro. E pelo que ví, outras também terão início nessa mesma data.
    São 4 calendários então???

    1. Jeso Carneiro disse:

      Cara leitora, conversando há pouco com o pedagogo e diretor da 5ª URE, Dirceu Amoedo, obtive a seguinte explicação: as datas noticiadas aqui no blog correspondem ao início efetivo de aula. Ou seja, com aluno dentro da sala de aula. Antes disso, haverá a semana pedagógica, cuja data deve ser a que repassaram a vc.

  • Manuel disse:

    Mais parece samba do crioulo doido, é o claro reflexo do descaso para com a educação pública no Pará e Parazinho do Jatreme, Jamente…