Secretaria de Meio Ambiente autua shopping por perfurar poços sem licença, Rio Tapajós Shopping

Rio Tapajós Shoppping, em Santarém, à rodovia Fernando Guilhon

A Franere Participações S.A. foi notificada pela Semas (Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade) em Santarém a apresentar defesa nos autos de um processo administrativo punitivo aberto contra a empresa em 2017.

Ela é proprietária do Rio Tapajós Shopping, localizado na rodovia Fernando Guilhon.

A Franere é acusada de perfurar, para extrair água subterrânea, poços artesianos na área do empreendimento, sem a devida outorga (licença).

O shopping, no bairro do Santarenzinho, foi autuado pela prática ilegal.

Tem 15 dias para fazer a sua defesa escrita junto à Semas, secretaria estadual responsável pela gestão dos recursos hídricos no Pará.

Leia também:
Balneabilidade aponta 11 praias próprias para banho em Santarém

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *