Matrículas em creches e pré-escolas da rede pública em Santarém cresce 6,6%

O número de alunos matriculados em escolas públicas na educação infantil (creche e pré-escolar) em 2017 subiu em Santarém, oeste do Pará.

É o que aponta o Censo Escolar da Educação Básica, divulgado ontem, 26, pelo Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira).

Neste ano, segundo o levantamento, o total de alunos matriculados em creches e pré-escolas públicas foi de 11.568, o que representa um aumento de 6,6% em relação a 2016.

Contabilizado só as creches, o aumento foi na ordem de 25% – saltou de 1.975 alunos matriculados em 2016 para 2.1482 neste ano. Na pré-escola, o salto percentual foi bem menor: 1,3%.

URBANO E RURAL

O levantamento do Inep detalha o número de matrículas iniciais na educação básica das redes públicas municipal e estadual de ensino, que abrangem a creche, pré-escola, os ensinos fundamental e médio, a EJA e a educação especial. Os dados incluem as áreas urbana e rural e a educação em tempo parcial e integral.

A segunda etapa do Censo Escolar 2017 terá início em janeiro, quando serão coletados os dados sobre o rendimento e o movimento escolar dos alunos.

Alunos matriculados em creches em Santarém

O Censo Escolar é feito anualmente, sob coordenação do Inep.

Segundo o órgão, a ferramenta é indispensável para que os atores educacionais possam compreender a situação educacional do país, das unidades federativas, dos municípios e do Distrito Federal, bem como das escolas e, com isso, acompanhar a efetividade das políticas públicas.

Com informações da Agência Brasil e redação

Leia também:
Adriane Menezes, de Santarém, recebe em SP o Prêmio Professores do Brasil

Nota do editor: textos, fotos, vídeos, tabelas e outros materiais publicados no espaço "comentários" não refletem necessariamente o pensamento do Site Jeso Carneiro, sendo de total responsabilidade do(s) autor(es) as informações, juízos de valor e conceitos divulgados.

Um comentário em: Matrículas em creches e pré-escolas da rede pública em Santarém cresce 6,6%

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Elaine Cristina Coelho pereira disse:

    Olá preciso de uma.vaga na escola Municipal fluminense moro as proximidades e nunca conseguir uma vaga quem não mora no bairro consegue