Candidato que mais gastou em redes sociais ocupa 'zona da confusão' em Santarém
João Pingarilho, do PSC, gastos graúdos com propaganda nas redes sociais.

João Pingarilho (PSC), candidato a prefeito de Santarém (PA), não consegue sair da ‘zona da confusão’ entre os 8 nomes que estão na disputa pelo cargo na eleição deste ano – muito embora seja o que mais investiu em mídia nas redes sociais até agora.

Empresário do ramo de panificação, Pingarilho já gastou, apenas em impulsionamento de suas publicações, 40 mil reais – 10 mil pagos diretamente ao Facebook e mais 10 mil ao Google. Além de 20 mil pagos a uma terceirizada, a Adyen do Brasil. Os números são do TSE.

 

Os valores gastos com impulsionamentos, porém, parece não têm dado certo.

O candidato do PSC não consegue sair nas pesquisas eleitorais da ‘zona da confusão’, eufemismo criado pelo treinador Wanderley Luxemburgo para suavizar a expressão ‘zona de rebaixamento’, posição ocupada pelos 4 últimos time do Brasileiro, candidatos ao rebaixamento para Série B.

Cravou, por exemplo, na mais recente pesquisa da Destak 3% das intenções de votos (votos válidos).

LEIA também: Pesquisa aponta 2º turno entre Maria e Nélio, mas vitória do PT no 1º não está descartada

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *