Processos contra empresário preso em SP por estupro de vulnerável estão sob sigilo
Sonson, empresário santareno preso nesta segunda-feira em SP. Foto: Reprodução

Os dois processos movidos pelo MPPA (Ministério Público do Pará) contra o empresário santareno preso nesta segunda-feira (7) na cidade de São Paulo (SP) tramitam sob sigilo na Justiça.

Rilson Carneiro de Almeida, o Sonson, foi preso após uma implacável caçada iniciada em 2016 pela Polícia Civil do Pará. Ele é acusado de estupro de vulnerável contra duas menores de 14 anos.

 

Os 2 processos tramitam em Santarém em varas diferentes. O de nº 0002426-06.2016.814.0051 está na 1ª Vara Criminal, enquanto que o 0002414-89.2016.814.0051, na 2ª Vara Criminal.

Sonson, que tem 66 anos – nasceu 23 de setembro de 1954 -, será recambiado para Santarém, onde deverá responder as duas acusações preso, no Centro de Recuperação Sílvio Hall de Moura, o Cucurunã.

— SOBRE esse caso, leia também: Polícia caça empresário de Santarém acusado de estupro de menores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *