A governadora do Pará, Ana Júlia Carepa, e o presidente do Banco da Amazônia (Basa), Abdias José de Sousa Júnior, assinaram um protocolo de intenções para repasse de R$ 1,3 bilhão para o estado.

Os recursos são destinados a projetos voltados para agricultura familiar com ênfase nos setores aquicultura, pesca, fruticultura, produção de móveis, grãos.

O turismo, artesanato, reflorestamento e o fomento a pequenas empresas e atividades sustentáveis também serão contemplados.

Para Valdecir Toste, superintendente regional do Banco da Amazônia, em 2009, as linhas de crédito do Basa foram executadas em todos os 143 municípios do Pará, onde grande parte do volume aplicado tem como origem o Fundo Constitucional de Financiamento do Norte (FNO).

“Em 2010 teremos mais investimentos para todos. Para este sucesso, contamos com o governo do Pará e com a ação de diversos parceiros”, disse Tose.

Além do FNO, os recursos para o Pará têm como origem o Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT), o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico (BNDES), o Orçamento Geral da União (OGU) e recursos próprios do Banco da Amazônia.

O presidente da instituição, Abdias José de Sousa Júnior, anunciou que também serão disponibilizados recursos do Fundo de Desenvolvimento da Amazônia (FDA) e Fundo da Marinha Mercante (FMM), cujas dotações em 2010 para aplicação na Amazônia são de, respectivamente, R$ 1 bilhão e R$ 150 milhões.

Fonte: Investimentos e Notícias

Nota do editor: textos, fotos, vídeos, tabelas e outros materiais publicados no espaço "comentários" não refletem necessariamente o pensamento do Site Jeso Carneiro, sendo de total responsabilidade do(s) autor(es) as informações, juízos de valor e conceitos divulgados.

Um comentário em: Basa repassa R$ 1,3 bilhão para o Pará

  • Jeso, será que todo esse dinheiro vai ser usado mesmo para esses projetos, ou pra campanhana eleitoral da governadora. Agora ka entre nós 1% desse montante ja dava pra pagar umas contas, não é verdade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *